04/09/2014 às 04h31min - Atualizada em 04/09/2014 às 04h31min

Renato Junque

Fotógrafo

Thiago Santos

 Thiago Santos: O ser humano por nome de Renato Junque, ainda criança, teve o primeiro contato com o mundo do teatro. Essa experiência proporcionou quais valores em prol de sua vida?

 Renato Junque: O teatro é uma experiência única, amo teatro desde muito pequeno!  Penso que a oportunidade que tive quando criança fez com que me fizesse, quando adulto, escolher a formação em Cênicas.  O teatro possibilita, abertura à criatividade, espontaneidade, uma comunicação verdadeira com o outro, transparência nas relações, além de um auto conhecimento continuo. Penso que todos deveriam ter a oportunidade de estudar  teatro, é a abertura para construção de seres humanos. Acredito que o teatro não forma só um profissional, mas sim um ser humano completo, pois aprendemos a lidar com grupo, respeitar diferenças, lidar com quebras de paradigmas, rever valores a todo momento, crescer culturalmente e espiritualmente.  Quando construímos um personagem, precisamos de referências, muitas vezes diversas das nossas, isso nos faz ampliar a consciência, ver muitas coisas de formas diferentes...

 Tenho amigos há 10, 20 anos que fiz no teatro, e que hoje são meus irmãos!

 E ainda tive a oportunidade de dar aulas de teatro, o que me ajudou bastante a desenvolver meu lado de condução de grupos, e principalmente direção, o que acabo transpondo para os trabalhos que tenho feito como fotógrafo! A linguagem teatral me encanta e o improviso mais ainda! Meus trabalhos tem a premissa da espontaneidade do improviso, trazendo o que cada um tem de melhor nessa interação de fotógrafo e fotografado! Fico muito feliz em receber no final de um ensaio fotográfico, enquanto o cliente não viu ainda nenhuma foto,  o elogio de que as fotos ficaram maravilhosas, e sempre digo: " como sabe que as fotos ficaram maravilhosas se não viu nenhuma?", e recebo a resposta de que se o processo foi gostoso, eles já tem a convicção do resultado. É muito gratificante!

 

 Alguém disse que a arte está vinculada a psicologia, formando então o casamento perfeito. E você o que diz?

 Me graduei em psicologia, minha primeira formação, amo pessoas, e acho que teatro e psicologia tem tudo a ver! Precisamos numa ou na outra profissão conhecer profundamente o ser humano! Então, quando me pergunta se é o casamento perfeito, eu digo que sim! Pois tanto arte quanto a psicologia lidamos com sensibilidade, tato, sentimentos, sensações, contradições, polêmicas, conceitos, quebra de paradigmas, reflexões.

 Hoje utilizo-me da psicologia, da aceitação positiva incondicional, empatia,  do reforço, algumas vezes do inconsciente para condução  do meu processo...ter a percepção de como deixar o fotografado mais a vontade para captar o melhor olhar dele, a melhor expressão, é um exercício continuo que aprendi com a psicologia!

 Algumas vezes, tocar o coração do fotografado e falar a linguagem que consiga captar a emoção que queremos passar faz toda a diferença na imagem fotografada.

 

 Sua formação(Psicologia) acrescenta uma maior percepção para captar as melhores expressões voltadas as emoções numa tiragem de fotos?

Sem sombra de dúvida, como descrito acima, a psicologia ajuda e permeia a condução de todo meu processo fotográfico! Percepção esta que temos que ter para saber se devemos ou não fazer uma intervenção, ou apenas captar as cenas que acontecem naturalmente. Muitas vezes uma conversa antes do ensaio fotográfico pode render boas imagens  ou inibir totalmente o cliente, e esse cuidado deve ser tomado, sem julgamento de valores, mas compreendendo o que o outro quer dizer e passar em suas imagens, e desta forma, encontrar o jeito mais tranquilo para que a pessoa se descontraia naturalmente!

 

 Clicar no botão para que a máquina fotográfica possa captar uma imagem é a parte mais fácil.Mas,qual o grande segredo para se conseguir a imagem perfeita?

 Ótima pergunta! Como todo artista, ainda não sei se fiz a imagem perfeita!  Essa é a minha busca!

 Mas acho que temos alguns caminhos pra chegar lá, um deles é estudar muito: linguagens fotográficas, iluminação, direção fotográfica, pessoas, edição de imagem, pré-produção, abusar na criatividade, deixar o fotografado a vontade e se divertir com tudo isso, compartilhando deste momento com o fotografado! Sou fotógrafo de pessoas, então minha busca da imagem perfeita é a composição dos ingredientes acima, respeitando sempre meu cliente em suas expectativas e limitações!

 

 O ano de 2013 para você ficou definido como sinônimo de conquista?

 Meu crescimento profissional enquanto fotógrafo está vindo muito rápido o que me deixa bastante feliz! Comecei com a fotografia há pouco tempo, mas de fato no ano de 2013 consegui montar meu estúdio, fiz parcerias fortes com profissionais excelentes, e que me apóiam e me ajudam na condução de todo meu processo, são além de profissionais, amigos pessoais, talvez isso também ajude muito!

 Também em 2013 fiz minha primeira exposição fotográfica em conjunto com minha a amiga, Amanda Candeias (produtora e maquiadora) no Manada Cultural,  em Campinas, onde moro atualmente. Em parceria com Alê Palma, proprietário do espaço Super Styling, consegui desenvolver um projeto fotográfico do Dia dos Namorados em 2013, com fotos de diversos casais, de diversas etnias, idades, e estilos.  Já em 2014 o projeto foi voltado ao Dia Das Mães, e neste mesmo espaço ( Super Styling), montei  meu estúdio, uma parceria que espero render muito para os próximos anos.

 Ainda em 2013 tive a oportunidade em concorrer ao Concurso Internacional Kaplan, e dentre 3800 fotos tive uma foto vencedora em terceiro lugar, foi meu primeiro prêmio reconhecido internacionalmente, uma grande surpresa pra quem participou sem grandes pretensões!

 

 Qual a sensação de poder recriar através de uma foto, imagens que inspire no outro, sorrisos?

 Minha felicidade é pode entregar o resultado do meu trabalho para meus clientes e ver a felicidade deles estampada nos  olhos! As reações são as mais diversas, desde "que lindo" ," Deus te abençoe" , como " você é F@)4!" (Rsrs)...acho divertido!

 A  condução de um processo fotográfico tem 4 etapas: a primeira explico como funciona o processo do ensaio, o que é necessário levar, onde faremos as fotos, e outros detalhes,  o segundo momento é o ensaio propriamente dito onde faço centenas de fotos, e seleciono as melhores posteriormente; a terceira etapa apresento as fotos para o fotografado selecionar as melhores das melhores para que eu possa fazer a edição final para entregar, e fico muito feliz em ver que as pessoas tem muita dificuldade na escolha pois gostaram do ensaio todo! E finalmente a ultima etapa eu entrego as fotos enquanto resultado final!

 Trabalho com a auto estima das pessoas, e isso é muito importante!

 Uma das melhores experiências do meu trabalho foi fotografar uma amiga querida, que passou por uma fase importante e difícil de sua vida.  Ela teve que fazer mastectomia aos 29 anos, passando pela quimioterapia, e todo tratamento árduo que quem tem câncer passa... Minha alegria foi ver a alegria desta minha cliente e amiga, ao constatar que mesmo depois de ter passado uma fase triste e difícil, ainda podia se sentir bonita! Além deste ensaio, tive a oportunidade de mandar as fotos dela para uma administradora de Shopping que realizou um photolook ( mostra de roupas de uma estação vestida em modelos), e ela foi a primeira escolhida pelo idealizador do projeto para participar deste projeto! Enfim, ela tornou-se minha cliente e já fizemos 4 ensaios fotográficos,  e estamos partindo para o quinto! A fotografia também serve como terapia e carinho para si mesmo, da mesma forma que alguns investem em bons restaurantes, cinemas, massagens, cabeleireiros, pois a sensação é de bem estar. Fazer um book fotográfico também pode lhe oferecer o mesmo! Ver a felicidade dos meus clientes é também me fazer feliz!

 Trabalho com Paixão!

 

 Para finalizar nos fale sobre seus projetos atuais e futuro!

 Há  partir de outubro deste ano, uma nova fase da minha vida se inicia, pois estou ampliando meu atendimento para todo território nacional, parcerias estão sendo formadas com agências de modelos e elenco, tenho tido bastante demanda para portfólio de atores, modelos, também artistas e poder contribuir com indicações para o ramo de trabalho também me traz felicidade, pois estou ajudando no quesito de desenvolvimento profissional de cada um deles! Já em andamento,  tenho um projeto onde fotografo artistas da mídia para o apoio de uma entidade chamada Viva Bem, localizada no interior de São Paulo, em Ribeirão Pires. É uma instituição que abriga atualmente mais de 20 velhinhos, e este projeto vem apoiar a angariação de fundos para a construção de sede própria e adaptada as necessidades destes idosos, é um projeto social que ainda tem muito pela frente! Levantaremos essa sede do jeito que tem que ser!

 E também estou desenvolvendo o Projeto 38, serão 38 cenas, (número este que representa minha idade e um marco na minha vida profissional). Estou  envolvendo centenas de profissionais ( maquiadores, modelos, atores, produtores, figurinistas, assistentes, cenógrafos, agências de modelos, etc) , o objetivo será a divulgação do meu trabalho e de todos os demais que compõe a equipe, além do desenvolvimento profissional também, pois as propostas são audaciosas destas fotos, o que demandará muito tempo, mas quero concluir antes do meu próximo aniversário. Faremos exposições itinerantes  com o material realizado!

 Bem, sou fotógrafo, e atualmente faço fotos de Gestantes, New Born, crianças, família, book para artistas em geral, fotos de moda, publicidade, ensaios sensuais, masculinos e femininos. Eventos como casamentos, aniversários, espetáculos de teatro, dança e musicais!

 Para quem quiser conhecer um pouco mais do meu trabalho convido para que conheçam através do meu Facebook/Renato Junque ou Arte Interativa. Instagram/Renato Junque!

 Interessados poderão me escrever também para o email : natorusso@bol.com.br

 

Link
Tags »
Relacionadas »
Comentários »