02/04/2012 às 22h48min - Atualizada em 05/05/2012 às 22h48min

Jornal do Boris ganha destaque na estreia do "Pânico na Band"

A boa novidade que apareceu nesta nova fase do “Pânico”

Fabio Maksymczuk

Olá, internautas

A Rede Bandeirantes comemora os índices de audiência da estreia do “Pânico na Band”. No último domingo (01/04), o humorístico registrou expressivos 11 pontos de média. A impressão passada ao telespectador é que o programa apenas trocou de emissora. O palco da atração, a linguagem, as matérias e até a edição são exatamente iguais. Até a qualidade da imagem é a mesma exibida na RedeTV!.

A boa novidade que apareceu nesta nova fase do “Pânico” foi o quadro “Jornal do Boris”. Carioca encarnou muito bem a paródia do veterano âncora do telejornal. Até o jornalista Fernando Mitre ganhou a versão Fernando Litre. Boas risadas.

Por outro lado, a atração insiste em explorar a “bundalização”. Nos primeiros anos do “Pânico”, as panicats funcionavam como uma sátira do fenômeno que atinge diversos programas da TV brasileira. Depois, o humorístico aproveitou a “arma” para alavancar os seus próprios índices de audiência. Evidentemente, adolescentes, jovens, enfim, os “cuecas” apreciam as imagens captadas pelas praias do mundo afora.

A exploração do corpo feminino combinava com o estilo de programação da RedeTV!. Porém, isso não remete à imagem da Band que aposta na credibilidade do jornalismo e do esporte.  

Nesta nova etapa, o “Pânico” precisa investir mais no humor satírico e no escracho. Esse é o ponto forte da atração. A apelação pode ser descartada. A Band tem uma estrutura melhor em relação a da antiga emissora e isso precisa ser explorado.

Fabio Maksymczuk

Link
Tags »
Relacionadas »
Comentários »