10/07/2020 às 13h29min - Atualizada em 10/07/2020 às 13h28min

Principais desafios do Marketing de Influência e como solucioná-los.

Como toda e qualquer técnica promocional, uma campanha de marketing com micro-influenciadores pode falhar. 

 

Atraídos pelos benefícios, os profissionais de marketing podem acabar esquecendo de prestar a devida atenção a possíveis armadilhas.

 

Primeiro de tudo, os micro-influenciadores (relevantes) são mais difíceis de encontrar. Com mais e mais pessoas criando e expandindo seu público-alvo nas mídias sociais, é fundamental encontrar o influenciador certo para uma empresa de comércio eletrônico. 

 

Escolher micro-influenciadores que conhecem a sua empresa on-line ou que até já compraram da sua empresa é sem dúvidas a melhor tática. Os blogueiros ficarão mais inspirados a construir uma parceria, enquanto os profissionais de marketing economizarão muito esforço para transmitir uma ideia de negócio

 

Billy Sixes, um varejista on-line australiano de roupas e óculos de sol, lançou esse caminho para lançar uma campanha de micro-influência. Depois de estudar seus seguidores no Instagram, a nova empresa identificou aqueles com os seguintes requisitos e os envolveu em sessões e mostras de produtos por meio de suas contas pessoais.

 

Use hashtags. 

 

As pessoas usam hashtags para facilitar a pesquisa. Por que os profissionais de marketing não aproveitam esse recurso e encontram candidatos influentes com conteúdo relevante? Para tornar a pesquisa por hashtag mais eficaz, é preciso restringir os parâmetros de pesquisa. Por exemplo, #comidavegetariana, em vez de #comida mais geral, mostrará a lista dos candidatos mais adequados para uma loja virtual vegetariana.

 

Procure influenciadores locais. 

 

Se uma empresa de comércio eletrônico atender a uma área específica (por exemplo, um serviço de entrega de comida), ela ganhará promovendo através de blogueiros locais ou hashtags locais.

 

Automatize a pesquisa. 

 

Fazer pesquisas manuais pode ser demorado. Ferramentas como BuzzSumo, Klear e Ninja Outreach facilitam o primeiro estágio e deixam os profissionais de marketing com uma lista pronta de possíveis micro-influenciadores.

 

Os micro-influenciadores são mais difíceis de trabalhar.

 

Uma única menção nas mídias sociais pode não ser suficiente para uma campanha de marketing eficiente. Com o objetivo de aumentar a exposição, as empresas precisam trabalhar com vários micro-influenciadores. Isso exige mais horas de trabalho dedicadas à busca, comunicação pessoal com eles e avaliação dos resultados. Por exemplo, trabalhar com dez micro-influenciadores consome dez vezes mais tempo e esforço do que trabalhar com um macro-influenciador. Você já deve saber que criar um site ou blog não é um trabalho fácil, então lembre-se de valorizar o trabalho de seus potenciais parceiros.

 

Há muitos benefícios na construção de relacionamentos genuínos e de longo prazo com pessoas que são relevantes para sua marca. Embora seja melhor ter liberdade para os micro-influenciadores na criação de postagens publicitárias, as diretrizes desenvolvidas sobre os objetivos da marca e da campanha podem permitir que os profissionais de marketing entreguem rapidamente a ideia promocional e encontrem um idioma comum com os blogueiros.

 

Esperamos que esse artigo tenha servido como um guia inicial para que você comece a levar a sério a possibilidade de trabalhar com influenciadores. Certamente é uma tendência que veio para ficar.

 
Link
Relacionadas »
Comentários »