28/07/2021 às 09h46min - Atualizada em 28/07/2021 às 09h16min

Como lidar com uma paciente dependente químico

Sabemos que é uma missão muito difícil lidar com dependentes químicos, pois a maioria não enxerga a dependência da droga como um problema e sim como uma válvula de escape para momentos de felicidade. 

 

Portanto, é preciso saber dialogar com uma pessoa que se encontra nessa situação e evitar julgamentos, pois a maioria dos dependentes químicos se encontram depressivos e sem esperança na vida, julgamentos não vão agregar em nada e ainda podem piorar a situação, desencadeando mais problemas para o dependente químico.

 

O ideal é saber como chegar e conversar com a pessoa, perguntar sobre seus problemas e estabelecer um bom diálogo, tentar entrar em um acordo para ajudar a própria pessoa. Embora ela pense que não precisa de ajuda, ela vai entender que o motivo da conversa é pensando no bem dela mesma.

 

Porém é preciso tomar cuidado, pois alguns dependentes químicos tendem a ficarem agressivos quando contrariados, por isso não comece brigas nem discussões e procure estabelecer uma conversa em momentos que a pessoa se encontre sóbria.

 

Geralmente o dependente químico se frustra por não ter forças  e não concluir seus desejos, não realizar seus sonhos, isso contribui para que fiquem tristes, depressivos e sem esperança, recorrendo ao uso de entorpecentes para sentir um pouco de felicidade, pois apenas nesses momentos eles conseguem sentir um pouco de felicidade em seu dia.

 

Tentar mostrar ao dependente químico que a vida não se resume apenas ao uso de drogas para se manter feliz, e que a vida pode ser boa se tiver uma chance, é uma boa opção para ajudar essa pessoa.

 

Mas fazer isso em apenas um diálogo não é suficiente, é preciso realmente que ele não depende das drogas para ser feliz! Você pode tentar levá-lo para passeios, para conhecer algo novo, ter novas experiências enquanto estiver sóbrio, quem sabe assim, ele por si próprio não enxergue que precisa de ajuda.

 

Porém, há casos em que o dependente químico se encontra em uma situação tão degradável que a única que pode ajudá-lo é a internação. Porém, o nível da doença pode ser tão grande que ele não reconheça que precisa de ajuda e não busque o tratamento adequado nem aceite que as pessoas tentem conversar e ajudá-lo. 

 

Nesses casos, a família do dependente químico pode optar por realizar uma internação forçada no mesmo.

 

A internação, chamada de internação involuntária é o tipo de internação da qual o paciente não consente com sua própria internação, mas por ser pelo seu próprio bem, com uma laudo médico ou apenas decisão de sua família, ele é internado à força e só recebe alta quando a família ou os médicos autorizarem.

 

Como lidar com pacientes dependentes de químicos

Já dependentes químicos que estão internados em uma clínica de reabilitação, precisam de tratamentos especiais, para que não tenham recaídas e voltem ao uso contínuo das drogas.

 

Infelizmente a dependência química não possui cura, apenas tratamento para que o paciente não volte a ter a vida que tinha antes.

 

Por isso, vamos listar aqui alguns pontos importantes para lidar com dependentes químicos:

 
  • Dê ouvidos ao que ele tem a falar

É de extrema importância ouvir o que o dependente químico tem a dizer, faça com que ele saiba que não está sozinho e que sempre terá alguém ali por ele, se importando com ele e sua saúde, tanto mental quanto física.

 
  • Seja uma pessoa compreensiva

Busque entender o que levou o paciente a chegar nesse ponto, procure ouvir o que ele tem a te dizer sobre a vida dele, neste momento difícil de sua vida. Nunca julgue um dependente químico, saiba conversar com ele.

 
  • Esteja sempre por perto apoiando o dependente químico

Nesse momento triste e difícil de sua vida, é essencial que o dependente químico tenha pessoas que ama em sua volta, dando apoio moral e força para que ele saia dessa.

 

Nunca abandone o paciente na clínica de reabilitação e esqueça que ele existe, não o trate como um problema, pois ele não é um! Ele é uma boa pessoa como qualquer outra que apenas precisa de mais ajuda para lidar com seus próprios problemas pessoais.

 
Link
Lucas Widmar Pelisari

Lucas Widmar Pelisari

Descobrindo o Marketing Digital, dicas de como aumentar tráfego orgânico e otimização no posicionamento de domínios perante motores de busca

Relacionadas »
Comentários »