18/09/2012 às 10h58min - Atualizada em 18/09/2012 às 10h58min

Bendito Maldito, uma história viciante que aborda o lado bom e o lado mal de cada um

O que seria de cada um de nós se nos deparássemos com a nossa própria alma e tivéssemos que conviver com os paradoxos entre o bem e o mal? Bendito Maldito, novo livro do autor Newton Cesar, trata o assunto entre o Deus e o Diabo que carregamos conosco de maneira nunca antes imaginada.

Lilian Comunicação

Publicado pela editora Novo Século, o livro tem literalmente duas partes: o lado bom e o lado mal.  O lado bom, Bendito, que traz as páginas brancas, é muito engraçado, cativante. Com um clima cinematográfico, a narrativa flui de um jeito que torna-se impossível parar a leitura.

O lado mal, Maldito, de páginas negras, é pesado, intenso, perverso. Um suspense capaz de provocar muito medo. Igualmente viciante, mesmo tomado pelo pavor, o leitor não consegue parar de ler.

Bendito Maldito conta a mesma história, com o mesmo personagem, sob dois pontos de vista extremos. São dois livros em um. Deusidário, que trás em seu nome a palavra Deus, vive situações inusitadas no momento em que resolver vender a alma para o diabo. Na parte do Bendito, ele, que já perdeu tudo (mulher, emprego, dinheiro) se vê obrigado a cumprir os 10 mandamentos do diabo para que este lhe compre a alma. A partir daí, a alma boa de Deusidário aparece para ele para tentar impedir a venda. O protagonista, cativante, vive situações muito engraçadas com a sua alma entre o fazer ou não fazer as maldades impostas nos mandamentos. O final do Bendito é completamente inesperado.

Já na parte do Maldito, Deusidário, que guarda alguma bondade em seu coração, é perturbado por sua alma má. Esta aparece para ele a fim de fazer com que ele cumpra os mandamentos do Diabo e cometa as maiores atrocidades, entre elas, matar 666 pessoas, de preferência mulheres.

Intenso. Chocante. Perturbador. Muitos seriam os adjetivos para o Maldito.

De todo modo, uma coisa é certa, o livro leva o leitor com maestria a desfrutar as duas extremidades entre comédia e tragédia.

 

“Eu particularmente adorei o livro, li rapidamente (...). Leitura fácil, curiosa e instigante. Fiquei curiosa quanto ao seu final até o ultimo parágrafo do livro, ou melhor, dos livros. Recomendo muito essa leitura. Li com a mente aberta e tentei me colocar no lugar do protagonista. É realmente fantástico.”

Opinião da leitora Camila Monteiro, publicada em seu blog Vida complicada demais

Ficha técnica:

ISBN: 978-85-7679-711-1
Páginas: 216 (Bendito – 112 pgs / Maldito – 104 pgs)
Formato: 16x23cm
Peso: 0,24Kg
Acabamento: Brochura
Preço: R$24,90


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »