11/01/2023 às 11h18min - Atualizada em 11/01/2023 às 20h03min

Feira da Madrugada oferece até quatro meses de isenção no aluguel de boxes

Concessionária oferece alternativa aos trabalhadores que estão sendo fiscalizados pelo comércio irregular e reforça a sua função social, de oferecer melhores condições de trabalho na região

SALA DA NOTÍCIA Letícia Teixeira
Paulinho Leite. Divulgação
A Nova Feira da Madrugada, concessão da Prefeitura de São Paulo, anuncia desconto de até quatro meses no aluguel de boxes nos 1º andar do complexo. A política leva em consideração o papel social do empreendimento, que tem como principal objetivo oferecer condições dignas de trabalho para os comerciantes do Brás, com toda estrutura e segurança de um shopping, em contraponto às condições precárias do comércio de rua. Além da isenção, o empreendimento também reduziu o valor do aluguel de boxes nesses andares. Depois do período promocional vigente, os valores não ultrapassarão R$ 785 ao mês. 

De acordo com estimativas de associações locais, 30 mil famílias trabalham de forma irregular nas ruas do Brás atualmente. Em muitos casos, esses trabalhadores são obrigados a pagar aluguel e “luvas” para grupos criminosos, que chegam a até R$ 40 mil reais ao ano. 

Segundo Daniel Galante, presidente da Nova Feira da Madrugada, a política amplia as oportunidades de trabalho regular para os comerciantes da região a preços muito mais acessíveis e com estrutura adequada para que eles possam se desenvolver. “O contrato de concessão com a prefeitura prevê o uso social dos boxes. Estamos reforçando esse compromisso, gerando condições para que o comerciante possa arcar com os custos e seja viável tirá-lo das ruas, oferecendo conforto e segurança para que o trabalho dele possa render ainda mais”, detalha o executivo. 

Além da política de descontos, o empreendimento oferece outras iniciativas para contribuir com o boxista, com a realização de parcerias com instituições como Sebrae, Banco do Brasil e Banco do Povo, oferecendo tanto consultoria, informações e apoio jurídico para a formalização do negócio, quanto com iniciativas de crédito e microcrédito para dar suporte ao novo empreendedor. Também a Associação Comercial de São Paulo está presente no empreendimento, oferecendo todo o seu portfólio de apoio aos comerciantes.

Daniel Galante destaca ainda que a Feira da Madrugada é uma aliada para um fenômeno que traz grandes desafios sociais, que é o comércio popular. “Os camelôs acabam ficando expostos às variações do clima, sem o mínimo de infraestrutura, trabalhando mais de 12, 14 horas ininterruptas para montar e desmontar suas bancas todos os dias. Por outro lado, temos um empreendimento muito bem estruturado, capaz de abrigar esses empreendedores. Nosso grande interesse com essa política é que eles conheçam e utilizem essa infraestrutura para que possam se desenvolver como grandes empresários”, finaliza. 

O Brás recebe cerca de 300 mil visitantes diariamente, atraindo também a atenção de lojistas e comerciantes interessados em criar o seu próprio negócio. Somente no mês de dezembro, a Feira da Madrugada, principal empreendimento da região e maior shopping popular da América Latina, movimentou mais de R$ 500 milhões. A nova iniciativa pretende ampliar o acesso dos lojistas ao negócio e dar condições para que eles possam lucrar ainda mais. A Feira da Madrugada também bateu recorde de ônibus, recebendo mais de 300 em um único dia de dezembro.

Os interessados devem procurar a administração da Nova Feira da Madrugada por e-mail comercial@circuitosp.com.br ou telefone (11) 99595-4100.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp