30/06/2022 às 18h07min - Atualizada em 30/06/2022 às 19h18min

Caminhão com imagens de animais destinados ao abate volta às ruas de São Paulo em ação da SVB acompanhada por atrizes e voluntários

Iniciativa convida as pessoas a tirarem a carne do prato e leva informação à população. A atriz global Dani Moreno, a dançarina Isis Maia Bello, e a atriz e ativista da causa animal, Julia Bobrow, estarão presentes na mobilização no próximo sábado

SALA DA NOTÍCIA Valle da Mídia
Um caminhão envelopado como se transportasse animais ao abate, com emissão de sons que retratam o sofrimento da viagem, circulará por São Paulo na manhã do sábado, 2 de julho. Em parques como Ibirapuera, Augusta, Villa-Lobos e pontos famosos como a Avenida Paulista e o Beco do Batman quem estiver nas ruas poderá se deparar com a cena impactante do caminhão passando. Todos os dias, essa cena é real e se repete para os milhões de animais que são levados até o frigorífico. 

A ação da Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB) tem o objetivo de chamar a atenção e fazer as pessoas refletirem sobre o que ocorre antes de a carne chegar aos seus pratos, bem como convidá-las a experimentarem uma alimentação vegana.
 
Na volta à capital paulista, a iniciativa terá o apoio de voluntários da SVB e de influenciadoras. A dançarina, Ísis Maia Bello, a atriz global Dani Moreno e a atriz e ativista da causa animal, Julia Bobrow, farão parte do time que distribuirá panfletos informativos com um QR Code. Ao apontar a câmera do celular para o código, as pessoas têm acesso a um site com informações sobre a indústria da carne e materiais que orientam a transição para uma alimentação livre de produtos de origem animal.
 
"Nossa ideia é levar para quem estará na rua a conscientização sobre o sofrimento do animal criado para virar um produto e mostrar a realidade da indústria da carne e derivados. Ao abrir o site do QR Code a pessoa logo vê a frase 'Você pode mudar o destino deles!', é isso que a SVB acredita e aposta", explica a diretora executiva da SVB, Mônica Buava.
 
Diariamente, após nascerem e crescerem em espaços lotados e sofrerem durante toda a vida, bois e vacas, porcos e galinhas são colocados em caminhões para morrerem e abastecerem a produção de carnes no Brasil. Segundo o IBGE, só em 2021, a indústria abateu mais de 6,2 bilhões de frangos, bois e porcos. Isso significa a morte de 11,9 mil animais por minuto. No mundo, o número chega a 70 bilhões anualmente, isso considerando apenas os terrestres. Ao incluir os animais aquáticos chega-se a números de mais de 1 trilhão.
 
A SVB investe em iniciativas com o intuito de promover a reflexão do consumo de carne e alertar sobre a triste realidade desconhecida ou ignorada pela maior parte da sociedade. As ações são um convite para que cada pessoa impactada repense os hábitos e faça escolhas que salvem a vida dos animais.
 
Site da ação: https://paredecomeranimais.com.br/
 
Serviço:
Caminhão da SVB pelas ruas de São Paulo
Data: sábado, 2 de julho
Hora: a partir das 8h
Ponto de encontro: Estacionamento MAM - Entrada pelo Portão 3 do Parque Ibirapuera
Veja os locais por onde o caminhão passará:
·        Parque Ibirapuera
·        Itaim Bibi
·        Parque do Povo
·        Largo da Batata - Faria Lima
·        Parque Villa-Lobos
·        Faria Lima sentido Vila Madalena
·        Praça Pôr do Sol
·        Beco do Batman
·        Avenida Rebouças
·        Avenida Paulista 
·        Rua Augusta
·        Parque Augusta
 
SOBRE A SOCIEDADE VEGETARIANA BRASILEIRA
Fundada em 2003, a Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB) é uma organização sem fins lucrativos que promove a alimentação vegana como uma escolha ética, saudável, sustentável e socialmente justa. Por meio de campanhas, programas, convênios, eventos, pesquisa e ativismo, a SVB realiza a conscientização sobre os benefícios do vegetarianismo e trabalha para aumentar o acesso da população a produtos e serviços veganos. Para mais informações, acesse www.svb.org.br ou os perfis no Instagram, Facebook e YouTube.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »