22/06/2022 às 14h59min - Atualizada em 23/06/2022 às 00h02min

Tecnologia: a estrada de tijolos dourados do mercado financeiro

Por Melina Brognoli*

SALA DA NOTÍCIA Brenda Sena
O mercado financeiro está passando por grandes transformações nos últimos anos. As formas estanques de se lidar com dinheiro, que foram basicamente as mesmas durante décadas, estão se modernizando para além do que foi imaginado. E com a aceleração da digitalização, as maneiras antigas de realizar transações, sejam elas de qual maneira e montante, foram se atualizando.

Um exemplo é o Pix: de acordo com o governo federal, em fevereiro deste ano foram transferidos R$ 1.100 bilhão utilizando esta nova modalidade de transação. Por outro lado, as criptomoedas também seguem angariando mais usuários. Globalmente, em 2021, US$ 15,8 trilhões foram transacionados por este sistema, um aumento de 567%, conforme pesquisa divulgada pelo Crypto Crime Report.

Outra modalidade em ascensão é o pagamento por aproximação: a Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs) divulgou recentemente que a cada quatro transações presenciais feitas com cartões de crédito, uma já é feita por aproximação.

A tecnologia é uma ferramenta importantíssima para o mercado financeiro. Com ela, as transações ficam mais seguras e mais rápidas. As instituições que têm um olho no que a TI oferece se destacam, já que adotam metodologia ágil e podem personalizar seus produtos e serviços.

Este é um ponto muito importante, já que os clientes desejam cada dia mais soluções que sejam pensadas de acordo com seu perfil. Além disso, não querem ter trabalho demais para realizar suas transações ou se comunicar com as instituições financeiras. Ser ágil e preciso faz uma grande diferença neste mercado que recebeu tantos novos players nos últimos anos. Quando a competição é grande, se sobressai quem consegue ser mais eficiente.

E para entender o que cada cliente quer, compreender seu perfil para oferecer os melhores produtos e serviços, é bastante interessante investir em uma análise profunda de dados, rapidez na tomada de decisões, respostas e gestão. Chega-se neste ponto investindo em nuvem, Blockchain, automação, Inteligência Artificial e Big Data. Estes são grandes diferenciais, aqueles que vão fazer o desempenho do negócio se destacar.

De acordo com a Febraban, os investimentos do mercado financeiro em tecnologia aumentaram 8% em 2020.

Esta mesma tecnologia tem permitido mais e mais pessoas a se aventurarem no campo dos investimentos. Quantas pessoas você conhece que se interessavam em ser mais ativas no mundo das finanças além de deixar o dinheiro guardado na poupança? Novos players trouxeram modernidade para a área e hoje é possível realizar investimentos mais lucrativos e até colocar uma parte das economias em opções mais arrojadas, como a Bolsa de Valores, uma coisa antes que era vista como possibilidade apenas àqueles com os cofres cheios está à disposição de todos, a distância de um app.

Tudo por conta da tecnologia!

O grande diferencial em todo este cenário é a experiência proporcionada ao cliente.

Com a Inteligência Artificial, por exemplo, as instituições financeiras automatizam processos, coletam dados para personalizar a experiência e fazem a gestão e o planejamento, o que leva ao direcionamento da estratégia comercial para públicos específicos.

Com o crescimento acelerado das Fintechs e Techfins, que já utilizam essas novas tecnologias, as empresas do mercado financeiro contam com parceiros estratégicos na área tecnológica capacitar o seu negócio e com isso focarem no core business. Ter um fornecedor que entenda os meandros do seu negócio e que se comprometa em prover as melhores soluções de forma segura e dentro das diretrizes da LGPD é um grande passo para o futuro! Eu diria que esta parceria é fundamental, já que a tecnologia deixou de ser uma área de apoio dentro das empresas para se tornar uma das mais estratégicas.

Tentar resolver tudo dentro de casa pode se mostrar bastante complicado, por isso a utilização de empresas especializadas se torna tão essencial. Todos os dias temos novidades, todos os dias existem novas oportunidades de crescimento por intermédio da tecnologia, assim como todos os dias novas ameaças à segurança chegam ao nosso conhecimento. Um bom parceiro tecnológico livra as instituições financeiras de aborrecimentos, dando espaço ao crescimento.

E então... o céu é o limite!

* Melina Brognoli é Diretora Comercial de Tecnologia da E-Deploy
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »