17/08/2012 às 00h38min - Atualizada em 17/08/2012 às 00h38min

Haddad: ‘Arco do Futuro’ é um projeto do tamanho de São Paulo

Em caminhada em Pinheiros, candidato petista à Prefeitura afirmou que proposta considera a capital e as cidades da região metropolitana; também destacou que é preciso retomar investimentos públicos em transporte, interrompidos em 2005

Analítica Comunicação

O candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, afirmou nesta quinta-feira (16) que o Projeto Arco do Futuro – que prevê redefinir o desenvolvimento da cidade considerando o conjunto de avenidas que circundam a cidade, com uma série de obras viárias e benefícios tributários para geração de empregos em áreas distantes do centro – é um projeto “do tamanho da cidade”. “É do tamanho de uma cidade com 11 milhões de habitantes, inserida em uma metrópole com 21 milhões de pessoas”, disse o petista, destacando que deverão acontecer obras em importantes vias como Jacu-Pêssego, M’boi Mirim e Belmiro Marin, entrega de corredores de ônibus e antecipação da inauguração da entrega de Metrô. “Não é um projeto nem faraônico, nem medíocre, é o que São Paulo precisa.”

O ex-ministro da Educação também falou sobre a situação do trânsito em São Paulo. Para Fernando Haddad, desde 2005, quando teve início a gestão Serra/Kassab a situação da mobilidade urbana na cidade só piora.

“A sensação do paulistano é de que faltam investimentos públicos no transporte. Inclusive o próprio plano de metas da atual gestão previa 70 km de novos corredores, mas não temos notícia disso. Nada saiu do papel”, afirmou. “É importante resgatar esse compromisso com a população.”

Haddad também afirmou que não pretende fazer deslocamentos de helicóptero durante a campanha. “Quanto mais o candidato tiver os pés no chão e conhecer os problemas da cidade, melhor é sua campanha”, disse.

“A sensação do paulistano é de que faltam investimentos públicos no transporte. Inclusive o próprio plano de metas da atual gestão previa 70 km de novos corredores, mas não temos notícia disso. Nada saiu do papel”, afirmou. “É importante resgatar esse compromisso com a população.”

Haddad também afirmou que não pretende fazer deslocamentos de helicóptero durante a campanha. “Quanto mais o candidato tiver os pés no chão e conhecer os problemas da cidade, melhor é sua campanha”, disse.

Haddad fez as afirmações durante caminhada no bairro de Pinheiros, na Zona Oeste da capital. Acompanhado de militantes e candidatos a vereador, ele caminhou na rua Teodoro Sampaio e visitou o mercado de Pinheiros, onde conversou com donos dos boxes.

Recursos para o Arco do Futuro - Segundo o petista, o volume total de investimentos previstos para o Arco do Futuro, de R$ 20 bilhões, deve ser composto por R$ 8 bilhões de recursos repassados por meio de parcerias com o Governo Federal. “É um valor muito razoável, compatível com o que o Rio de Janeiro recebeu em recursos federais nos últimos anos.”


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »