09/06/2015 às 11h28min - Atualizada em 09/06/2015 às 11h28min

be.Living comemora 15º aniversário com Ciranda Junina da Lia de Itamaracá

Resgate do folclore brasileiro em homenagem às cantigas de rodas

Liliane Pires

A escola be.Living, em celebração aos seus 15 anos, fará “A Ciranda Junina da Lia de Itamaracá”, no dia 13 de junho, das 10h às 16h, na Unidade de Moema, localizada na Av. Jandira, 769, cujo foco será a valorização do folclore brasileiro.

Durante o evento em homenagem à cirandeira mais famosa do Brasil, Maria Madalena Correia do Nascimento, conhecida como Lia de Itamaracá, os alunos lembrarão sua história como cantora, compositora e dançarina de ciranda, um marco para o folclore, através de danças e músicas, especialmente elaboradas para a ocasião.

Reconhecida como diva da música negra pelo The New York Times, Lia também levou sua ciranda a Paris, onde lançou o CD “Eu Sou Lia” e onde fez várias apresentações. Seu trabalho foi registrado pela FUNDARPE (Fundação do Patrimônio Histórico de Pernambuco) como Patrimônio Vivo de Pernambuco sendo premiada com medalha de Mérito Cultural pelo Ministério da Cultura.

Para a diretora da escola, Patricia Pavan, a festa junina é uma tradição do folclore brasileiro que não pode ser ignorado, mesmo por uma escola bilíngue, “sempre valorizamos ações que ampliem o repertório cultural de nossos alunos, desta forma, eles aprendem a valorizar nossa cultura e apreciar a riqueza da nossa história. A be.Living faz questão de exaltar os valores genuinamente nacionais”, ressalta. 

Paralelamente às encenações artísticas, os alunos farão um projeto de matemática financeira, cuja ideia central é o envolvimento de cada criança com os itens vendidos durante a comemoração, para que depois façam a contabilidade do resultado final, e utilizem o dinheiro para a compra de alguma coisa que a turma toda queira ou precise. De acordo com Patricia Pavan, a intenção é inserir as crianças na administração das finanças do evento, a fim de que aprendam como lidar com dinheiro e saibam gerenciar os lucros obtidos com a venda de paçoca, maria mole, brigadeiro, arroz doce entre outras comidas típicas. O projeto educacional que gira em torno da festa junina é muito abrangente, pois além de lidar com a matemática, as crianças aprendem desde cedo a mexer com as etapas de produção das comidas partindo pela culinária com a compreensão prática das medidas de cada ingrediente necessário para fazer uma receita, a partir disso elas conseguem calcular o preço justo a ser cobrado em cima dos custos com o material para o prato ser vendido na barraca. 

Serviço

Unidade 1

Rua Salto, 98 e 86 - Jd. Paulista | Telefone: (11) 3884 5871

Unidade 2
Av. Jandira, 769 – Moema – Tel. 5051-4408 

Sobre a be.Living -  nasceu em 2000 e apoia sua concepção sócio construtivista de ensino-aprendizagem para alunos com até 11 anos, que respeita o conhecimento prévio da criança, valoriza seu papel ativo no aprendizado e a coloca como protagonista de seu processo de desenvolvimento. No momento em que ela não é vista como um ser passivo e sim como um ser que constrói seu próprio conhecimento.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »