01/06/2015 às 12h25min - Atualizada em 01/06/2015 às 12h25min

Autoprodução de energia é caminho para indústria

Fábrica da Coca-Cola Andina, no Rio de Janeiro, aposta em cogeração

Tatiana Paiva

Diante dos altos custos de energia elétrica e da atual crise hídrica, empresas buscam soluções alternativas que, além de diminuição de custos, proporcionem confiabilidade a seus investidores. A cogeração foi a escolha feita pela unidade de engarrafamento da Coca-Cola Andina no Brasil. Autossustentável, a planta de cogeração é de responsabilidade da Light Esco, empresa de serviços de conservação de energia do grupo Light.

No processo de cogeração, a produção de energia elétrica é feita por meio de outros equipamentos. No caso da fábrica da Coca-Cola no Rio de Janeiro, os três motores a gás natural, fornecidos pela General Electric em contrato de 4,5 milhões de dólares, no total de 12 megawatts (MW), são responsáveis pelo funcionamento da planta também fornecem energia e aquecimento para a fábrica, produção de água fria e suporte nas operações de engarrafamento.

De acordo com o gerente da fábrica, Nilson Alegre, cogeração a gás foi a opção escolhida por se tratar de um combustível mais limpo e com menores impactos ao meio ambiente. “Além disso, não lidamos mais com problemas de queda de  energia. Temos disponibilidade e confiabilidade no fornecimento”, afirma.

Nilson Alegre apresenta o case da fábrica da Coca-Cola Andina durante o Gas Summit Latin America 2015, na palestra sobre “Consumo e Aproveitamento de Gás”, da qual também faz parte o Project Manager da Light Esco. A 12ª edição do Gas Summit traz uma abordagem multilateral sobre os principais assuntos que remetem à expansão e ao futuro da indústria do gás e acontece entre os dias 8 e 10 de junho, no Hotel Windsor Atlântica, no Rio de Janeiro (RJ).

A programação completa do congresso e inscrições podem ser feitas no site www.informagroup.com.br/gas-summit.  


Sobre o GAS SUMMIT LATIN AMERICA 2015

Em sua 12ª edição, o Gas Summit Latin America é um dos mais tradicionais fóruns de discussões do continente sobre a indústria do gás. Com uma equação equilibrada entre palestrantes de reconhecida expertise mercadológica e técnica, autoridades públicas e empresários de alto poder de decisão de empresas chave no setor, há muito foi incorporado ao calendário de eventos internacionais como o principal encontro do setor de gás. Em 2015, o Gas Summit Latin America acontece de 8 a 10 de junho, no Hotel Windsor Atlântica, no Rio de Janeiro. Mais informações sobre a programação e inscrições estão disponíveis no site do evento, em www.informagroup.com.br/gas-summit.  

 

Sobre o Informa Group

O Informa Group é o maior provedor mundial de informação especializada e serviços para as comunidades acadêmica e científica, profissional e empresarial. O grupo tem sua sede em Londres e outros 150 escritórios em 40 países, empregando 10000 funcionários em todo o mundo. As ações do Informa Group estão listadas na Bolsa de Valores de Londres, compondo o índice das 250 maiores companhias (FTSE-250:INF). No segmento de eventos, o Informa Group é hoje o maior organizador de feiras, conferências e treinamentos do mundo com capital aberto, com uma agenda de mais de 12 mil eventos por ano. Na América Latina, o Informa Group está presente através de várias empresas como IBC, IIR, BTS Informa, AchieveGlobal e InformaEconomics - FNP.


 

Assessoria de Imprensa – Gas Summit Latin America 2015

Conteúdo Empresarial

www.conteudoempresarial.com.br

13 – 3304.7437 / 3304.7438 / 11 – 3079.6339

 

Atendimento à Imprensa:

Tatiana Paiva

tatiana@conteudoempresarial.com.br

13- 9 9736-8008

SKYPE: conteudo.empresarial2

 

Júlia Teodoro

julia@conteudoempresarial.com.br

13 – 9 8145-0372

SKYPE: julia_teodoro


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »