15/05/2015 às 10h13min - Atualizada em 15/05/2015 às 10h13min

Postura com uma nova forma de fazer fisioterapia

Conceito que une tratamento presencial ao virtual proporciona acessibilidade e inclusão para o tratamento e prevenção de problemas na coluna

Ana Dias
Divulgação

Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que cerca de 80% das pessoas têm ou terão dores nas costas ao longo da vida. Em muitos casos, o tratamento é longo e demanda muito tempo e dinheiro, o que acaba fazendo com que muitas pessoas desistam antes de solucionar o problema.  Percebendo esse cenário, o Instituto Patricia Lacombe – referência em ginástica holística no Brasil – desenvolveu o Postura.com, que pretende revolucionar o mercado de saúde.

O conceito une o atendimento presencial ao virtual por meio de um software, o objetivo é proporcionar comodidade ao consumidor, que pode optar entre realizar o tratamento na unidade física ou em casa. “ Desenvolvemos o método levando em conta a rotina cada vez mais corrida da população. O ambiente virtual não tem fronteiras, por isso com o software o cliente pode realizar os exercícios de onde estiver e no horário que achar conveniente. Com a ferramenta não existem mais distâncias para a realização do tratamento. O Postura.com é uma nova forma de fazer fisioterapia”, afirma Patricia Lacombe, fisioterapeuta responsável pela criação do instituto e única representante de Ginástica Holística no Brasil e na América Latina para a formação de novos profissionais à modalidade.

O conceito foi desenvolvido levando em conta a inclusão digital e o novo padrão de consumo da sociedade. Na primeira visita ao Postura.com, o cliente realiza uma autoavaliação lúdica, com ajuda de um fisioterapeuta, onde seleciona em um boneco virtual os pontos de dor e define sua intensidade e como o problema tem afetado sua qualidade de vida. Depois, o sistema analisa os dados e gera uma série de movimentos exclusivos voltados para o tratamento da dor e da saúde global do consumidor. “ Não tratamos apenas a dor, e sim a causa do problema. Nosso método trata da globalidade, estimulando o conhecimento sobre o próprio corpo e dos limites de cada um.Dessa forma, o consumidor passa a consertar hábitos posturais errados, e automaticamente a chance de novas lesões diminui”, explica Patrícia.

Para facilitar o entendimento, os exercícios são explicados de forma educativa em vídeos, fotos e texto. Além disso, são disponibilizadas orientações diárias, e é possível tirar dúvidas sobre os movimentos com profissionais presencialmente ou por meio da central de relacionamento online.

O método por trás da tecnologia

A ginástica holística – conceito francês que se baseia nos pilares de educação, prevenção e tratamento –, é a modalidade que está por trás do Postura.com. A técnica propõe uma série de exercícios que proporcionam o tratamento globalizado do corpo, por meio de movimentos que aumentam o tônus muscular e auxiliam no realinhamento da coluna cervical.

“Nosso objetivo com o novo modelo é proporcionar maior acessibilidade ao método, pois hoje os pacientes buscam opções que unam saúde com praticidade e ganho de tempo. Por isso, acreditamos que essa é a melhor forma de difundir a ginástica holística nacionalmente e estimular que mais pessoas conheçam os benefícios da técnica”, declara Patrícia.


Sobre o instituto Patrícia Lacombe
Fundado em 2003, o Instituto Patrícia Lacombe, é referência no Brasil no tratamento da coluna vertebral por meio da Ginástica Holística- técnica desenvolvida para tratar e prevenir os mais diversos tipos lesões e disfunções posturais.O método atua sobre a respiração, equilíbrio e o tônus, tem o objetivo de conduzir o praticante a uma melhora de todas suas funções físicas.

O instituto foi desenvolvido pela fisioterapeuta Patrícia Lacombe, única representante no país e na América Latina para a formação de novos profissionais de Ginástica Holística, sendo uma das três fisioterapeutas autorizadas no mundo (França, Canadá e Brasil). Atualmente, o Instituto Patrícia Lacombe está presente em São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal e Paraná. Para saber mais acesse: http://www.patricialacombe.com.br/


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »