17/03/2022 às 16h23min - Atualizada em 17/03/2022 às 21h07min

Brasileira GreenPlat é selecionada para participar do The Circulars Accelerator 2022

Empresa desenvolverá projeto piloto para acelerar seu compromisso com uma economia mais circular

SALA DA NOTÍCIA Divulgação
Divulgação
Chicko Sousa

Após receber reconhecimento do Fórum Econômico Mundial (WEF) como como pioneira tecnológica e especializada na área ambiental, a GreenPlat, startup de software de gestão e monitoramento de indicadores ESG, acaba de ser selecionada para participar do The Circulars Accelerator 2022, maior programa de aceleração do mundo do WEF para empresas que desenvolvem inovações para uma economia mais circular.

Lançado em 2021, o The Circulars Accelerator evoluiu do programa The Circulars Awards, que reconhece organizações que defendem a economia circular, para um programa global de aceleração com duração de seis meses que incentiva a inovação de soluções disruptivas. A iniciativa oferece orientação especializada e consultoria empresarial, apoiando os inovadores e suas propostas a minizarem os impactos globais através de POCs (Provas de Conceito) que serão realizadas em diversos países com as marcas apoiadoras e integrantes do Fórum Econômico Mundial.

“Estamos muito honrados com a oportunidade e queremos contribuir para acelerar a transição para uma economia mais circular, trazendo tecnologia para viabilizar a reinserção de materiais na cadeia produtiva através do uso do nosso software da aceleração de uma produção mais limpa”, afirma Chicko Sousa, Fundador e CEO da GreenPlat, destacando que a empresa já é reconhecida mundialmente pelo Fórum Econômico Mundial (WEF, sigla em inglês) como pioneira tecnológica especializada na área ambiental.

Em 2018, a GreenPlat foi anunciada pelo WEF como pioneira tecnológica na área de rastreio de resíduos e matérias-primas através de blockchain, além de ter sido a única startup brasileira de tecnologia ambiental (cleantech) a se apresentar no último fórum presencial no ano de 2020 em Davos, na Suíça.

“Até hoje lideramos frentes de trabalho tecnológicos, como a cocriação junto com a Siemens e o WEF da nossa plataforma de rastreio e transparência de emissões de carbono e queremos contribuir com mais um projeto de relevância mundial”, celebra Sousa.

Dentro do programa as empresas têm a possibilidade de realizar um projeto piloto e expandir globalmente. “Iniciaremos com um piloto na América Latina, em um país que será definido em breve, e avaliaremos o contexto local para adaptar nossa solução e, desta forma, estarmos aptos a entrar em novos mercados em futuro breve”, ressalta.

Desde 2016 no mercado, a GreenPlat já participou de diversas acelerações como Toilet Board Coalition, Resource, Microsoft For StartUps, SAP.io e a Movemos o Mundo Com Você – Mercedes Benz, Braskem Labs, 100+ Accelerator Global (AB Inbev), Endeavour (Gerdau / Eurofarma), Danone / Ferrero (Liga Ventures), StartOut Chile e New York.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »