25/02/2015 às 11h07min - Atualizada em 25/02/2015 às 11h07min

KRJ encerra 2014 com crescimento no mercado externo

Neste ano, empresa pretende lançar dois novos produtos e projeta aumento de 19% no volume total de vendas e faturamento

Vervi Assessoria

Em 2014, a KRJ, fabricante de conectores para rede elétrica, atingiu novamente um crescimento no volume de exportações, apesar das dificuldades enfrentadas no mercado interno neste ano. Segundo Roberto Karam, diretor comercial da KRJ, o incremento das vendas teve um aumento de 10,5% em relação às exportações do ano anterior.


A empresa também havia registrado em 2013 um expressivo crescimento nas exportações, em comparação a 2012. “Este constante crescimento é fruto da estratégia em intensificar a atuação no mercado internacional, por meio de ações como a participação em grandes feiras de negócios, como por exemplo a Feira Internacional de Erbil, no Iraque”, ressalta Karam.

Para 2015, a empresa tem como estratégia continuar investindo na atuação no mercado internacional, com a participação em duas feiras multisetoriais no exterior, buscando manter os mercados conquistados e expandir a presença para outros países prospectados. Além disso, a KRJ pretende consolidar ainda mais os novos produtos lançados em 2014 (o conector KARP e o conector KAT-N) e manter os investimentos em inovação e tecnologia, com o desenvolvimento e lançamento de mais dois novos produtos.

Segundo o diretor, no mercado interno 2014 foi um ano bastante difícil, como previsto, com vários fatores influenciando as vendas, entre eles o carnaval em março, Copa do Mundo e eleições presidenciais. “Além disso, estamos vivendo os problemas causados pelas alterações das regras do mercado de distribuição de energia, com clientes postergando e cortando investimentos. A falta de chuvas e a geração de energia via as usinas térmicas são fatores que complicam ainda mais a performance financeira de nossos clientes”, explica.

“Com certeza 2015 também será um ano difícil no mercado interno, o que exigirá uma assertividade maior na administração de nossos custos operacionais. Mas ainda assim, projetamos para 2015 um crescimento em vendas e faturamento na ordem de 19% sobre o realizado em 2014”, acrescenta Karam.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »