05/07/2012 às 00h50min - Atualizada em 05/07/2012 às 00h50min

Manutenção ou troca de carro?

Tudo depende do momento e da vida útil do veículo

Estilo Press

As férias de julho se aproximam e muitas pessoas estão pensando na manutenção dos automóveis para garantir uma viagem com mais conforto e segurança nas estradas. Porém, há ainda aquela fatia da população que começa seriamente a querer trocar de carro por um motivo bem simples: economia no bolso. Claro, o status também conta, afinal, ter um veículo novo sempre dá mais prazer de dirigir.

Muitas vezes as manutenções acabam custando caro e para saber se este é o momento de fazer uma troca de automóvel, basta fazer alguns cálculos e colocar tudo na ponta do lápis sobre o papel. De acordo com especialistas, se um carro que vale R$ 20 mil reais fizer um serviço de R$ 2 mil, duas vezes por ano já não vale a pena. “Pode ser muito melhor gastar com prestações de um veículo mais novo”, afirma Paulo Cruz, empreendedor e empresário da franquia www.temusados.com.br.

Existem alguns serviços que não valem a pena, como a retífica, que tem um preço razoavelmente elevado no mercado das oficinas mecânicas. O custo vai ser alto e o propulsor nunca mais será o mesmo. A partir do instante que uma peça apresenta defeito, o veículo deve passar por um Raio-X para constatar se não há outros inconvenientes, mais ou menos, por volta dos 70 mil quilômetros rodados.

Para aqueles que não querem dor de cabeça, apostar em um novo carro pode ser a solução. Estarão menos sujeitos a riscos de segurança, transtornos com problemas mecânicos e gastos mais altos. Há maior confiabilidade enquanto se dirige e os primeiros problemas podem ser sanados sem ônus pela garantia. As revisões iniciais são poucas, com custos bem mais baixos. “Ainda não há gastos com pneus, embreagens e amortecedores. Vale mais a pena curtir o 0km e trocá-lo após dois anos, quando começará a pedir idas ao mecânico.”, conclui Cruz.

Além disso, todo o conjunto do carro é mais agradável no início, pelo prazer de dirigir. Com o passar do tempo surgem os desgastes que não inviabilizam o uso, mas reduzem esse prazer e também a segurança. Trocar também possibilita corrigir uma opção mal-feita, pois muitas vezes o proprietário se arrependeu ou sempre quis melhorar alguma coisa que não lhe agradou e atendeu suas necessidades.

A internet atualmente é um facilitador na hora da pesquisa que antecede a comprar do veículo novo ou usado, pois há sites como o Temusados que oferece carros, caminhões, motos e aviões, usados, novos ou seminovos. “Hoje você não precisa ir de loja em loja procurando o veículo desejado como antigamente, pode simplesmente pesquisar no site ver o que mais lhe agradar e visitar somente as lojas com o veículo desejado.”, finaliza Paulo Cruz, da www.temusados.com.br.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »