28/10/2021 às 14h51min - Atualizada em 28/10/2021 às 14h56min

Com retomada ao trabalho presencial, IWG registra mudança no comportamento corporativo e aumento na demanda por trabalho híbrido

A sexta-feira passou a ser o dia preferido entre os executivos para ir ao escritório, chegando a um aumento de 8% em relação ao mês anterior

SALA DA NOTÍCIA Gabriel Furlan
Divulgação
Segundo mapeamento realizado pelo IWG, líder global e nacional em espaços de trabalho flexíveis como coworkings e escritórios, 72% por cento dos trabalhadores preferem um modelo híbrido em vez de voltar ao escritório em tempo integral com um salário 10% maior. O levantamento foi realizado em junho de 2021 no Reino Unido. Essa tendência registra que os funcionários procuram estabelecer uma rotina que se divida entra entre casa, escritório local e, ocasionalmente, visitas à sede corporativa. No Brasil, o comportamento refletiu em um aumento no fluxo nas unidades do grupo em setembro.

Os dados coletados entre 01/08 e 30/09/2021 indicam que entre os dias preferidos dos executivos para o uso do escritório, quinta e sexta-feira ganharam destaque, apresentando, respectivamente, um fluxo de 7,8% e 8,1% maior em setembro, se comparado ao mês anterior. Em agosto, os dias da semana com maior presença de pessoas nos centros do grupo eram terça-feira, que teve um pequeno aumento de 4,7%, e quarta-feira, que apresentou queda de 15,6% nas visitas.

De acordo com Tiago Alves, CEO do grupo no Brasil, o aumento registrado nas unidades Regus e Spaces, na quinta e sexta-feira, se dá pela adaptação comportamental dos executivos, já esperada pelo setor. “Nos primeiros dias da semana, notamos que esses funcionários dão preferência para trabalhar de casa, focados em organizar suas demandas e se dedicar às atividades domésticas. Assim, conseguem agendar as reuniões necessárias nos dias seguintes”, explica o executivo.

Com o avanço da vacinação completa (duas doses), que chega a mais de 50% da população brasileira[1], muitas empresas começaram a retomar suas atividades presenciais. O uso dos espaços de trabalho compartilhados está entre as alternativas dos que adotaram o trabalho flexível como uma medida preventiva durante a pandemia.

Entre os benefícios de se frequentar esses espaços flexíveis, pode-se destacar a possibilidade de trabalhar próximo de casa. Também é possível usufruir de uma estrutura, que vai desde internet de qualidade, mesas de trabalho ergonômicas a salas de reuniões privativas.
 

[1] Consórcio de veículos de imprensa a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde


Sobre IWG, International Workplace Group
A IWG acredita que a base do sucesso empresarial é a eficiência e a felicidade das pessoas envolvidas. Por isso, a missão do grupo é ajudar milhões de pessoas a terem um ótimo dia de trabalho, todos os dias. A IWG aproveitou seus 30 anos de história com espaços de trabalho flexíveis para criar a maior plataforma de imóveis comerciais no mundo. Operando sob as marcas Regus, Spaces, Signature by Regus, HQ e No18, a IWG oferece uma variedade incomparável de opções para empresas de todos os tamanhos e orçamentos. Com mais de um milhão de espaços de trabalho e presença em centenas de países, cidades e centros de transporte internacionais, a IWG tem a maior rede de espaços de trabalho flexíveis do mundo e um conjunto completo de serviços de suporte empresarial para possibilitar que as pessoas se concentrem em suas atividades e tenham um ótimo dia de trabalho. www.iwgplc.com

Informações à imprensa | Máquina Cohn & Wolfe
Gabriel Furlan – [email protected] – (11) 98496-6575
Denise Carvalho – [email protected] – (11) 99218-0181

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »