29/09/2021 às 15h55min - Atualizada em 29/09/2021 às 19h40min

RaiaDrogasil oferece curso de Libras para os funcionários e suas famílias

Rede é referência no acolhimento e contratação de Pessoas com Deficiência e criou um curso de Libras, frequentado por mais de 21 mil funcionários

SALA DA NOTÍCIA Gustavo Campiolo
Na última semana foram comemoradas duas datas importantes para as pessoas com deficiência. Na terça-feira (21/09) foi o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência e na quinta-feira (23) foi o Dia Internacional das Línguas de Sinais. Ambas têm como objetivo promover e estimular o desenvolvimento de iniciativas com foco no bem-estar e acessibilidade destas pessoas no ambiente corporativo. Dentre as demandas deste público está, principalmente, a inclusão no mercado de trabalho. Neste sentido, a RaiaDrogasil se tornou referência no acolhimento e contratação de Pessoas com Deficiência e hoje possui em seu quadro mais de 1.900 funcionários com algum tipo de deficiência. Destes, mais de 50% tem deficiência intelectual e, atuam diretamente em nossas unidades de negócio. 
 
O grupo tem como premissa desenvolver um cuidado que ultrapasse o processo de seleção e que passa, principalmente, pela capacitação e treinamentos para um atendimento mais humanizado, inclusivo e representativo, nas mais de 2.400 lojas da rede em todo País, além dos 11 Centros de Distribuição e na matriz da empresa. 

Em 2020, como uma das principais iniciativas para promover acessibilidade a pessoas deficientes auditivas, a Universidade RD lançou um curso à distância de Língua Brasileira de Sinais - Libras, que já conta com a participação de mais de 21 mil funcionários. O curso, criado a pedido dos próprios colaboradores, está disponível na plataforma de capacitação da empresa, para funcionários e seus familiares. 

“A iniciativa é fundamental não apenas para capacitar os funcionários para o atendimento aos clientes que se comunicam em Libras, mas, também, para garantir a interação entre os próprios funcionários, já que 8% dos colaboradores da RD possuem algum tipo de deficiência auditiva”, observa a diretora responsável pela Universidade RD, Patricia Vasconcelos Giacomo.

“Fomos surpreendidos positivamente pelo alto engajamento e participação do público interno. Recebemos diversos vídeos dos nossos atendentes treinando e ensinando seus colegas nas lojas, transformando o curso em uma grande plataforma de conteúdo colaborativo. Isso reforça a importância de acolher, de cuidar e de, cada vez mais, oferecer oportunidades de inclusão através da aprendizagem, promovendo acessibilidade para todos na RD.”, conta Fernanda Caracciolo, diretora de Gente e Cultura da RaiaDrogasil.

Recentemente, a RD escalou profissionais com deficiência auditiva ou de fala para as funções de atendimento ao cliente ou caixa. É o caso da Polliany Vaz, funcionária de uma unidade em Goiânia, que é surda. Para facilitar a comunicação, todo o processo de finalização de compra é indicado por meio de placas nas bancadas, apoiando os clientes no relacionamento com ela. 

“Sou muito grata à Drogasil e a toda a equipe da loja, que acreditou em mim. Eu era assistente operacional e consegui ser promovida a atendente de caixa. Não foi fácil, mas eu me esforcei e com o apoio de todos da equipe consegui. Me sinto muito bem e feliz. Minha meta é progredir”, conta Polliany.



Sobre a Companhia – A RD – Gente, Saúde e Bem-Estar foi formada em 2011, por meio da fusão entre a Droga Raia e a Drogasil, que combinam mais de 200 anos de história no varejo farmacêutico brasileiro. Com o propósito de “cuidar de perto da saúde e do bem-estar das pessoas em todos os momentos da vida”, a empresa encerrará 2021 com mais de 2.400 lojas e presença em todas as unidades da federação. 

Atendimento à imprensa RD – RaiaDrogasil
RPMA Comunicação
rd@rpmacomunicacao.com.br 
www.rpmacomunicacao.com.br

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »