17/09/2021 às 16h41min - Atualizada em 17/09/2021 às 17h10min

Startup em São Paulo lança plataforma 100% digital para gestão de casas de férias de alto padrão

Visando ser referência nacional na gestão e locação de casas de férias através da tecnologia, a WelHome trabalha com um portfólio de casas exclusivas em São Paulo e oferece um atendimento completo para donos de imóveis e hóspedes que buscam locais e serviços diferenciados

SALA DA NOTÍCIA Ana Carolina Esmeraldo
Divulgação/FACES Comunicação
            Desde o início da pandemia do novo coronavírus, a procura por imóveis de campo, montanha ou praia para locação por temporada tem aumentado, já que muitas famílias passaram a ficar mais tempo em casa para trabalhar, estudar e também descansar em segurança. Para isso, buscam espaços mais amplos, maiores do que os tradicionais quartos de hotel. Porém, nem sempre as experiências com locações pela internet são positivas.
            E foi justamente ao identificar essa oportunidade de oferecer um atendimento completo tanto aos proprietários de imóveis quanto aos hóspedes que buscam casas diferenciadas e serviços personalizados que a startup WelHome foi fundada em dezembro de 2020. Com atuação inicial em São Paulo, a meta da empresa é expandir seu trabalho na gestão de residências exclusivas, avaliadas em mais de R$ 1 milhão, no estado.
            “Atuamos nas duas pontas, para que tanto o proprietário quanto o hóspede tenham a melhor experiência com a locação de imóveis selecionados. Nosso processo é 100% digital e com excelência em todos os detalhes, desde o momento da escolha do imóvel até o checkout, e atendimento 24h por dia, 7 dias por semana”, explica Bruna Cabral, CEO da startup.
            Com modelo de negócio “Full Service” e a mais moderna tecnologia do mercado, a plataforma oferece a gestão completa da Residência, da Locação e Financeira, cuidando de tudo relacionado a logística, suporte, contabilidade, fornecedores, idealização e processos burocráticos. Isso inclui, por exemplo, que a equipe da WelHome assuma a comunicação e negociação com diversos interlocutores (como funcionários, prestadores de serviços, corretores, imobiliárias, plataformas de anúncios e hóspedes), a divulgação das propriedades e o controle do calendário em diversos sites de reservas.
            “A WelHome chegou ao mercado para ajudar os proprietários de casas de férias a enxergar esses imóveis como um investimento gerador de receitas, com a vantagem de ainda poder usá-los quando desejar. Assumimos integralmente a gestão dessas propriedades e seus custos fixos, incluindo gastos com condomínio, IPTU, água, energia elétrica, funcionários, seguro e investimentos em marketing e comunicação para promoção das casas, além de cuidarmos da manutenção preventiva”, detalha a CEO.
            A plataforma traz ainda todas as facilidades para os hóspedes que buscam residências para seus dias de descanso. “Além de não haver surpresas negativas, já que oferecemos visita virtual para mostrar todos os espaços das casas antes da locação, temos equipes de atendimento e de manutenção à disposição durante a hospedagem para qualquer necessidade e oferecemos serviços exclusivos para personalizar a estadia, como concierge, babá, arrumadeira, cozinheira, chef de cozinha e barman. Tudo para que nosso hóspede se sinta em casa e tenha dias perfeitos, com um atendimento impecável!”, destaca Bruna.
            Arquiteta com 11 anos de carreira no mercado de incorporação imobiliária e de gestão de projetos e obras, Bruna Cabral decidiu, aos 31 anos, criar a startup em parceria com investidores. “Me vi inquieta profissionalmente na arquitetura e aproveitei minha veia empreendedora para mudar de direção e investir em novos desafios na área de tecnologia em gestão de imóveis e locação de temporada. E assim nasceu a WelHome, que se diferencia no mercado porque cuidamos das casas como se fossem nossas e oferecemos um atendimento para os hóspedes como se fosse para a nossa família”, afirma.
            Para a empresária, um dos grandes desafios ainda é romper o modelo mental de que casas de férias que são alugadas ficam depreciadas ou que só quem está precisando de dinheiro é que coloca um imóvel para locação. “Esses pensamentos não refletem mais a realidade. Felizmente já estamos conseguindo mudar esse mindset em nossos clientes, que estão aproveitando a oportunidade de transformar patrimônios muitas vezes subutilizados em ativos financeiros. E, o melhor, sem dor de cabeça e gastos”, finaliza a CEO da WelHome, Bruna Cabral.
            Para mais informações sobre a empresa, acesse o site welhome.com.br ou entre em contato pelo telefone (011) 3079-2700.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »