14/09/2021 às 15h33min - Atualizada em 14/09/2021 às 16h04min

Especialista comenta quais são as soft skills mais importantes no momento de retorno aos escritórios

Mari Achutti pontua que empatia, colaboração, adaptabilidade e resiliência são habilidades que todo profissional precisa ter para lidar com o futuro do trabalho

SALA DA NOTÍCIA Victoria
 

Com a mudança radical das dinâmicas de trabalho durante a pandemia, o mercado corporativo notou que até as verdades absolutas podem ter um prazo de validade, uma prova disso é que muitas empresas não acreditavam na viabilidade do home office. Com o isolamento social, praticamente todas tiveram que se adaptar e algumas até irão levar esse modelo para além do período de crise sanitária. Outra mudança é que, até pouco tempo atrás, as hard skills, também conhecida como habilidades técnicas, eram mais importantes que as habilidades socioemocionais, as soft skills. Mas a pandemia também serviu para aumentar o debate sobre saúde mental do colaborador e valorizar ainda mais habilidades como empatia e colaboração, como pontua a especialista em futuro do trabalho, Mari Achutti, fundadora da Sputnik.

 

A Sputnik, uma das maiores escolas corporativas do Brasil que leva às empresas conteúdos relevantes de maneira original e disruptiva, entende que olhar para as habilidades de forma plural é importante para construir uma equipe preparada para enfrentar os desafios do mercado de trabalho. Por exemplo, com o avanço da vacinação, muitas empresas estão planejando retomar o trabalho presencialmente, para fazer essa volta da melhor forma possível, portanto, as soft skills também serão importantes.

 

Em 2016, a IBM (Institute for Business Value) e a Oxford Economics promoveram um levantamento com o propósito de saber qual habilidade tem mais valor para o mercado de trabalho. Dois anos depois, em 2018, as instituições rodaram novamente a pesquisa. No estudo feito em 2016, as hard skills encabeçaram o topo do ranking, mas, na pesquisa seguinte, os resultados foram completamente opostos: as soft skills tomaram o topo em 2 anos. Antes mesmo da pandemia, o mercado já estava prestando atenção nas habilidades socioemocionais, como flexibilidade, boa gestão de tempo e eficiência em trabalho em grupo, que são algumas das skills mais valorizadas nesse meio. 

 

Além da pesquisa, onde já foi possível sentir um primeiro impacto, o Google Trends mostra como cada vez mais o assunto vem se tornando tendência, deixando os que ignoram as soft skills ultrapassados no mercado. Pensando nisso, Mari Achutti separou 5 habilidades que serão fundamentais para fazer um bom retorno aos escritórios. Confira:

 

1 - Adaptabilidade

Atualmente, a adaptabilidade é uma das soft skills mais desejadas pelos recrutadores. Ela foi importante no manejo dos funcionários do escritório para o home office, e agora, será importante para fazer o caminho inverso, já que novas dinâmicas serão construídas de volta para o escritório.

 

2 - Empatia

A empatia é uma ferramenta fundamental para vivermos em sociedade, assim, não poderia ser diferente dentro do mundo corporativo. A empatia é o que faz você se colocar no lugar de um terceiro na mesma situação para tentar entender a posição dele. Essa soft skill é fundamental para líderes, sendo uma peça-chave para uma gestão de pessoas feita com qualidade. 

 

3 - Colaboração

Colaborar é trabalhar em conjunto em prol de algo maior. Pessoas que trabalham bem de forma coletiva são essenciais para criar um grupo de alto rendimento. Isso sempre foi muito necessário para trabalhar em escritórios e as empresas procuram isso nos funcionários visando um ambiente harmonioso e sistêmico, principalmente durante momentos de incertezas.

 

4 - Organização e planejamento

Essa habilidade é indispensável no dia-a-dia, o time organizado poupa tempo e se torna mais eficiente. Além disso, quando se tem tudo sob controle, a rotina de trabalho fica menos suscetível a erros, deixando seu tempo de trabalho ainda mais eficiente. Para preparar os times e as equipes, principalmente caso a empresa escolha pelo modelo híbrido de trabalho, será necessária muita organização e planejamento relacionado ao remanejamento do espaço físico.



 

5 - Resiliência

O mundo corporativo muitas vezes nos tira da zona de conforto e traz desafios nem sempre bem-vindos. A resiliência é a capacidade de se recuperar depois de enfrentar adversidades, em um contexto de mudanças radicais nas dinâmicas corriqueiras, a resiliência passa a ser uma soft skill quase obrigatória dentro dos escritórios, pois ter um bom controle emocional é fundamental diante de imprevistos que podem surgir na rotina de trabalho. 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »