24/06/2012 às 23h40min - Atualizada em 24/06/2012 às 23h40min

Versão itinerante do Prêmio da Música Brasileira

O show reúne João Bosco, grande homenageado do ano, com Alcione, Mariana Aydar, Leila Pinheiro e Péricles. A apresentação será de Murilo Rosa

Uns Comunicação

A 23ª edição do Prêmio da Música Brasileira terá novamente uma versão itinerante. O sucesso da primeira edição, em 2011, foi tão grande, que este ano a turnê será ainda maior e chegará a oito cidades brasileiras, com apresentações ao ar livre em algumas delas. O show contará com a participação do próprio João Bosco, grande homenageado desta edição, além de Leila Pinheiro e Mariana Aydar. Arlindo Cruz e Péricles se revezam cada um em quatro cidades. Já Alcione fará a turnê, mas não estará em Vitória e São Luís. Com apresentação de Murilo Rosa, a turnê começa por São Luís (19 e 20/06) e passa ainda por Parauapebas (23/06), Belém (26 e 27/06), Vitória (30/06 e 01/07), Itabira (03/07), Belo Horizonte (05/07), Corumbá (07/07), encerrando em São Paulo, no dia 11 de julho, no Teatro Abril. O show é gratuito e os ingressos para a apresentação em São Paulo poderão ser obtidos através do site www.premiodamusica.com.br no dia 09 de julho. O Prêmio conta, pelo terceiro ano consecutivo, com o patrocínio da Vale.

Murilo Rosa fará um apanhado dos melhores momentos da cerimônia do Municipal e contará a história de João Bosco, que está celebrando 40 anos de carreira. O homenageado viajará para as oito cidades ao lado de Leila Pinheiro e Mariana Aydar. Péricles se apresentará em São Luís, Paraupebas, Belém e São Paulo. Já Arlindo Cruz irá para Vitória, Itabira, Belo Horizonte e Corumbá. Alcione só não se apresentará em Vitória e São Luís.

Arlindo Cruz e Péricles interpretarão clássicos como ‘Nação’, ‘Kid Cavaquinho’ e ‘Dois pra lá, dois pra cá’. Já Leila Pinheiro viajará pela obra do artista mineiro, revisitando canções antigas, como ‘Corsário’ e ‘Latin Lover’ e novíssimas criações, como ‘Sinhá’, parceria de João com Chico Buarque. No roteiro de Mariana Aydar estarão, entre outras, ‘Memória da pele’, ‘O ronco da cuíca’ e ‘Papel Machê’. À Alcione caberá ‘Desenho de giz’, ‘Quando o amor acontece’ e mais algumas surpresas. Por fim, o homenageado subirá ao palco para uma série de números solos (‘O mestre sala dos mares’, ‘O bêbado e a equilibrista’) e duetos com cada um dos cantores participantes.

A cerimônia no Municipal teve apresentação de Luana Piovani e Zélia Duncan e a participação de nomes como Ney Matogrosso, Criolo, Zeca Pagodinho, Gaby Amarantos, Milton Nascimento, Zeca Baleiro, Arlindo Cruz e Mariene de Castro, entre outros, além do próprio João Bosco, grande homenageado desta edição. Para a versão itinerante, José Maurício Machline criou um novo roteiro e convidou seis artistas para percorrerem o país. “É uma grande alegria poder viajar pelo Brasil afora. O ano passado foi tão bem sucedido que, juntamente com a Vale, decidimos aumentar o número de cidades e ainda organizar alguns shows em locais abertos, para que todos possam assistir. É a música indo aonde o povo está, o que está em completa sintonia com o espírito do Prêmio”.

A direção musical da Cerimônia do Municipal e da versão itinerante do Prêmio é do pianista João Carlos Coutinho, que viajará pela turnê acompanhado por Lula Galvão (violão), Rômulo Gomes (baixo), Kiko Freitas (bateria), Armando Marçal (percussão), Walmir Gil (trompete e flugelhorn) e Nailor Proveta (arranjos e sopros).

Criado em 1988, o prêmio de maior prestígio da música brasileira tem como finalidade resgatar e celebrar grandes nomes do cenário nacional, além de avalizar carreiras de artistas iniciantes ou com expressão de alcance regional. O Prêmio da Música Brasileira vem, há 24 anos, valorizando a nossa música no que ela tem de melhor: a sua capacidade de se reinventar e manter o nível de excelência que a fez reconhecida mundialmente. O Prêmio enaltece o esforço e o talento dos cantores, músicos, arranjadores e produtores do Brasil e reúne, no mesmo dia e no mesmo palco, as mais variadas manifestações musicais do país.

 

Prêmio da Música Brasileira 2012

Versão Itinerante

Apresentação: Murilo Rosa

Direção e roteiro: José Maurício Machline

Com João Bosco, Leila Pinheiro, Mariana Aydar (em todas as cidades)

Alcione (Parauapebas, Belém, Itabira, Belo Horizonte, Corumbá e São Paulo)

Péricles (São Luís, Parauapebas, Belém e São Paulo)

Arlindo Cruz (Vitória, Itabira, Belo Horizonte e Corumbá)

 

 

Turnê itinerante Prêmio da Música Brasileira 2012

Show em São Paulo com João Bosco, Leila Pinheiro, Mariana Aydar, Alcione e Péricles

Dia 11 de julho (quarta), às 21h

Local: Teatro Abril

Avenida Brigadeiro Luís Antônio, 411 - Bela Vista

Telefone: (011) 2846-6060

Ingressos:

Gratuitos, que devem ser obtidos através do site www.premiodamusica.com.br no dia 09 de julho (segunda). Os ingressos serão distribuídos por ordem de preenchimento do formulário. Cada pessoa ganhará um par.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »