30/09/2014 às 11h50min - Atualizada em 30/09/2014 às 11h50min

A primeira viagem com a escola: desenvolvendo a autonomia em relação à família

Accesso

Na Educação Infantil, as crianças começam a construir suas noções de independência pelo fato de darem o primeiro passo fora do âmbito familiar. Cabe aos pais e a escola incentivar esse processo de forma saudável. No Colégio Santo Américo, os alunos são preparados para terem autonomia gradualmente e com segurança.

“Entre seis e sete anos, as crianças estão descobrindo a própria identidade. Trata-se de uma fase de libertação necessária. Nosso papel é também orientar os pais sobre a melhor maneira de agir para que essa evolução seja o mais tranquila possível”, diz Liamara Montagner Salamani, coordenadora pedagógica da Educação Infantil e do 1º ano do Ensino Fundamental do Santo Américo.

Em meados de novembro, o colégio promove uma viagem com alunos de 6 anos visando consolidar as experiências de autonomia que foram trabalhadas no decorrer do ano letivo. “Incentivamos a participação das crianças e durante todo o período transmitimos as informações necessárias para que tanto elas quanto os pais se sintam seguros”, explica Liamara.

A coordenadora destaca, ainda, que é preciso entender e respeitar os limites da ansiedade e do sofrimento de cada criança, lembrando que tudo faz parte de um processo de construção da autonomia e que a viagem deve ser entendida, também, como um momento de diversão e interação entre os pequenos.

“Oferecemos essa possibilidade para o aluno começar a elaborar a ausência dos pais e descobrir que é capaz de agir com independência. Dessa maneira, estimulamos a constituição da autonomia de cada ser, preparando-os para os passos que deverão vir em seguida, quando iniciam o Ensino Fundamental”, ressalta Liamara.

Durante o ano, o colégio realiza reuniões periódicas com os pais para informar sobre cada detalhe da viagem. “Há regras que são extremamente respeitadas. É um acampamento em um formato diferenciado, onde os alunos dormem no mesmo ambiente dos professores, isto é, ficam próximos o tempo todo de adultos responsáveis. Além disso, podem contar com toda a estrutura necessária de enfermaria, alimentação etc.”, afirma Liamara.

Neste ano, os alunos devem visitar o Sítio do Carroção, que fica em Tatuí, interior de São Paulo. O destino foi escolhido por possibilitar roteiros interessantes e didáticos, que garantem aprendizados inesquecíveis às crianças.

 

Sobre o Colégio Santo Américo (www.csasp.g12.br)

              Fundado em 1951 e mantido pelo Mosteiro São Geraldo de São Paulo, o Colégio Santo Américo prioriza, de um lado, a transmissão de valores religiosos e humanistas, visando à formação integral do aluno, e, de outro, a excelência acadêmica para preparar o estudante a prosseguir seus estudos nas melhores faculdades.

             A escola destaca também em seu projeto educacional os esportes, as artes – em particular a música – e a tecnologia, além do período integral, que contribui para a formação global do aluno.

             O Colégio Santo Américo conta atualmente com 1.868 alunos, da Educação Infantil ao Ensino Médio. Está localizado na rua Santo Américo, 275, no Morumbi, zona sul.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »