30/09/2014 às 19h11min - Atualizada em 30/09/2014 às 19h13min

Colégio Pio XII celebra os 15 anos do Plantio do Poste da Paz

Instituição vai receber dez líderes de várias religiões para celebrar o plantio

Communica Brasil

No próximo dia 1º de outubro, às 9h e às 13h30, o Colégio Franciscano Pio XII vai receber dez líderes de várias religiões para a celebração dos 15 anos do plantio do Poste da Paz, símbolo da paz mundial. Na cerimônia, que terá a presença da comunidade educativa e os alunos do 1º ano do Ensino Fundamental até o Ensino Médio, cada líder religioso partilhará uma mensagem de paz de acordo com os ensinamentos da sua religião e a história do plantio será recontada aos alunos para trazer essa reflexão de paz em todos os ambientes.

 

Na ocasião, o Colégio vai receber os seguintes líderes: Pastor Carlos Augusto Prado, Sheikh Abdel Hammid (Islâmico), Rev. Aldo Quintão (Anglicano), Padre José Fernando Bonini (Católico), D. Paulo de Souza Silva (Monge Beneditino), líder Manjupriya (Budista), Sister Yolanda Marcelino (Congregação das Irmãs de São Francisco da Providência de Deus), Sister Gloria de Souza (Congregação das Irmãs de São Francisco da Providência de Deus), Andreia e Luiz Leme (pais representantes da família Pio XII) e o professor Marcelio José Ribeiro (co-fundador do Plantio do poste da paz no colégio).

 

 

“Que a paz prevaleça na Terra”

O Poste da Paz, um obelisco de quatro ou seis faces de dois metros e meio de altura, é parte do projeto internacional "The World Peace Prayer Society" que surgiu no Japão em 1955, quando Masahisa Goi, poeta e filósofo japonês, antes de falecer, começou a pensar sobre as consequências da bomba atômica e sobre a própria guerra. Na busca por pensamentos positivos, surgiu em sua mente a frase “Que a Paz prevaleça na Terra” – foi o que desejou para o mundo: palavras simples, mas de grande significado que poderiam atingir todos os países, todas as classes sociais, todas as religiões, simplesmente pela energia contida nelas.

O monumento é "plantado" em algum local público que possa ser dedicado à Paz. Em uma das faces é escrita a frase com o emblema da paz no idioma do local onde é colocado. Nas outras faces, a mesma frase em outros idiomas. No Colégio, a frase está escrita em português, inglês, espanhol e o hebraico, por conta da tradição bíblica. A partir daí, foram plantados vários monumentos pelo mundo. Hoje, são mais de 200 mil, em 180 países, que lembram a necessidade de contribuir para a paz no mundo.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »