30/06/2021 às 13h48min - Atualizada em 30/06/2021 às 20h38min

Instituto Campus Party inaugura 1° Laboratório de Robótica Include em Centro SocioEducativo no Brasil

Unidade atenderá os jovens que estão em cumprimento de medida socioeducativa de internação

SALA DA NOTÍCIA Barbara Cristiano
Nesta quinta-feira, 1 de julho, as 09h30, o Instituto Campus Party em parceria com o governo do Distrito Federal - DF, inaugura o 1° Laboratório de Robótica Include em Centro SocioEducativo no Brasil, por meio do programa Passaporte para o Futuro. Localizado no Centro de Internação de Santa Maria - UISM, a unidade atenderá preferencialmente os jovens que estão em cumprimento de medida socioeducativa de internação. 

A equipe do Include capacita gratuitamente jovens com idade entre 12 e 20 anos, por meio do ensino da robótica, programação, eletrônica, sensores e mecânica. O projeto visa difundir o uso da tecnologia e promover a inclusão social, fornecendo ferramentas que garantem educação de qualidade e desenvolvam suas habilidades dentro de um ecossistema totalmente inovador. 

Segundo Francesco Farruggia, presidente do Instituto Campus Party, “os Laboratórios Include, tem por objetivo levar o ensino de tecnologia digital, bem como, robótica, computação e programação para jovens de comunidades carentes. E cumprimos nossa missão, mesmo durante a pandemia com atividades remotas, já que seguimos todas as medidas de isolamento social contra o Covid-19”, explica.

A iniciativa conta com a parceria da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação e da Secretária de Justiça e Cidadania do Distrito Federal. “Estamos fazendo uma revolução tecnológica no Distrito Federal e Brasília será uma cidade inteligente.
Este é o primeiro laboratório a ser implantado em uma unidade de internação na América Latina com acesso à inclusão digital”, enfatiza Gilvan Máximo, secretário de Tecnologia e Inovação do DF.

Para a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani, “todas as iniciativas, que permitem a quebra de um ciclo de violência, são um avanço para toda sociedade, além de empoderar pessoas socialmente excluídas, por meio de capacitação em tecnologias. Isso é a prática da aplicação das políticas públicas que tanto trabalhamos para efetivar”.
O projeto, ainda, conta com o apoio do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (CONIF), do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), do Programando o Futuro, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e, do Grupo GOUVÊA.  

Além do Distrito Federal, o projeto já possui instalações em Santa Catarina, Rio Grande do Norte e Bahia. E outros em fase de implantação:  Rio de Janeiro, Amazonas e Rio Grande do Sul. O projeto tem como objetivo final implementar até 10 mil laboratórios, impactando adolescentes de todo o Brasil por meio da tecnologia. 
Instalações e material

Os laboratórios possuem mobília e equipamentos de primeira linha para o ensino de robótica, computadores, impressoras 3D, óculos de realidade virtual e drones, entre outros.

Inauguração
Data: 01/07 
Hora: 09:30     
Local: Centro de Internação de Santa Maria    
Endereço: Núcleo Rural Alagados, RA 8, Santa Maria

Sobre o Instituto Campus Party
A associação civil sem fins lucrativos foi fundada em 2009, com o objetivo de incentivar e promover atividades e projetos nas áreas cultural, educacional gratuita, de inclusão digital, do desenvolvimento tecnológico e econômico, dos direitos estabelecidos, da assistência social e da cidadania.



 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »