23/06/2021 às 09h08min - Atualizada em 23/06/2021 às 10h58min

Como a tecnologia pode ajudar no compliance

SALA DA NOTÍCIA LUCAS WIDMAR PELISARI
 

Nos últimos anos temos ouvido falar constantemente da necessidade de atender as normas de compliance dentro das empresas. O termo compliance é usado para se referir a prática de adotar todos os meios necessários para atuar de acordo com a lei e evitar qualquer prática ilícita dentro das empresas.

 

Esta expressão se popularizou em razão da Lei Anticorrupção, e vem ganhando destaque à medida que as manobras de fiscalização contra corrupção dentro das empresas vão se intensificando. Dar atenção a regularidade de cada procedimento é indispensável para estar de acordo com a legislação anticorrupção.

 

Acontece que existem diversas normas que as empresas precisam observar para que estejam de acordo com a legislação, e muitas vezes é difícil manter todas as atividades organizadas e padronizadas com as normas, e ainda dar atenção a execução do trabalho.

 

É por isso que muitas empresas recorrem à tecnologia para facilitar o processo de compliance dentro de cada departamento. Muitas vezes as ferramentas com base em tecnologia e até em inteligência artificial atuam como verdadeiras gestoras de processos para evitar problemas de violação das normas de compliance.

 

Vamos entender como usar uma dessas ferramentas como um software jurídico pode ajudar a blindar sua empresa contra fraudes.

Controle de informações

 

Existem ao menos três áreas onde um software jurídico pode ajudar no compliance. A primeira maneira é através do controle de informações. Ferramentas tecnológicas e virtuais podem ser muito eficientes para trabalhar informações sensíveis de uma empresa garantindo precisão e segurança.

 

Trabalhar com dados de transações e contratos realizados dentro de uma empresa e garantir que todas as informações estejam de acordo com as normas vigentes não é um trabalho fácil. Fazer isso toma tempo, e muitos recursos dentro das empresas, por isso o trabalho precisa ser realizado de forma tecnológica.

 

Algumas ferramentas são capazes de analisar dados e apontar falhas e até possíveis erros futuros. Essas ferramentas são ideais para garantir que o trabalho dentro de uma empresa ocorra de acordo com as exigências de compliance. 

 

Um dos diferenciais dessas ferramentas, é que elas costumam integrar diversas informações em tempo real, fazendo com que as atividades se tornem mais precisas. Além disso, as ferramentas reduzem as possibilidades de violação das normas de anticorrupção, sem mencionar que muitas delas são atualizadas periodicamente para estar de acordo com as normas mais atuais, garantindo assim a manutenção da ordem.

Monitoramento automatizado

 

Outra função dessas ferramentas é possibilitar um monitoramento automatizado do trabalho que é realizado. Garantir que uma empresa esteja de acordo com as normas de compliance é um trabalho contínuo. Todas as atividades realizadas precisam ser acompanhadas para evitar que fraudes possam ocorrer em qualquer nível.

 

Isso exige um certo grau de onisciência por parte dos gestores, e com certeza isso não é possível, pelo menos não sem a ajuda de uma ferramenta de acompanhamento. Essas ferramentas podem dar aos gestores uma perspectiva ampla de todas atividades realizadas dentro da empresa, e com isso ajudam a monitorar violações do compromisso com a regularidade.

 

O monitoramento automatizado também é muito bom para ajudar a rastrear falhas e até tentativas de violação das atividades dentro da empresa. É uma das melhores maneiras de manter o trabalho seguro para todos os envolvidos, e garantir que a empresa esteja de acordo com as leis.

 

Usar ferramentas de monitoramento automatizado pode reduzir consideravelmente o trabalho e o desgaste mental das equipes responsáveis por realizar o trabalho de auditoria das atividades. Além disso, garante que os gestores estejam cientes de todas as atividades realizadas de forma precisa e em tempo real.

 

Este tipo de ferramenta só traz vantagens para as rotinas de trabalho das empresas e são uma evidência clara do poder da tecnologia em ajudar no compliance.

Redução de falhas 

 

Uma das coisas que pode atrapalhar o compliance em uma empresa são erros no processamento de informações. Muitas vezes os processos são tão engessados que uma única falha pode desencadear um conjunto de ações que fazem com que a empresa não esteja de acordo com as exigências de compliance.

 

Sabendo disso, é importante buscar soluções que reduzam as possibilidades de erro, e facilitem o trabalho das pessoas que precisam administrar informações sensíveis em cada departamento. A tecnologia pode ser uma solução muito eficiente para o problema das falhas humanas.

 

Processos que envolvem repetição podem ser realizados por ferramentas virtuais e softwares que não cometem erros. Os softwares são ferramentas que agem sempre de acordo com uma sequência de passos lógica, ou seja, independente de fatores externos o resultado do trabalho dessas ferramentas se mantém constante.

 

Muito diferente do trabalho humano, que pode sofrer influência de fatores externos que podem acabar causando erros de natureza irreparável. É por isso que é importante buscar soluções automatizadas para reduzir erros.

 

Espero que nosso artigo tenha te ajudado a entender como a tecnologia pode ajudar no compliance. Se gostou do artigo compartilhe com outros!



 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »