22/06/2021 às 11h37min - Atualizada em 22/06/2021 às 21h08min

Quais os primeiros passos para abrir uma loja de construção?

8 dicas de como abrir uma loja de construção

SALA DA NOTÍCIA Victor Augusto de Alencar
Freepik

Abrir uma loja de construção é uma boa ideia de empreendimento, inclusive, dados do Sebrae mostram que 81% dos negócios nesse segmento estão atuando no mercado há mais de 10 anos.

Esse tipo de serviço faz muito sucesso no Brasil, pois além do setor de construção civil estar sempre aquecido, as pessoas fazem reformas e pequenos consertos em casa diariamente.

O sucesso é tanto que, hoje em dia, segundo a Anamaco (Associação Nacional dos Comerciantes de Materiais de Construção), existem mais de 140 mil lojas de materiais de construção no país.

Entretanto, apesar de ser um bom negócio, é necessário saber como montar esse tipo de loja, por meio de uma análise, conhecendo o setor, quanto precisa ser investido, ter um bom planejamento, dentre outras providências.

Para garantir que a sua loja de materiais de construção tenha sucesso, o empreendedor precisa se atentar a alguns passos.

É dessa forma que ele evita fracassos e permite que o empreendimento tenha um bom resultado. Além disso, ele será mais lucrativo e rentável, superando as ações dos concorrentes.

Pensando nisso, neste artigo, vamos mostrar as vantagens de abrir uma loja de materiais de construção e quais são os passos necessários.

Vantagens de abrir uma loja de materiais de construção

Montar uma loja de materiais de construção é um ótimo investimento para quem quer realmente ganhar dinheiro. O giro financeiro desse tipo de negócio é bem grande, o que permite ao empreendedor arcar com os custos e obter um bom lucro para si.

O investimento necessário é alto, além disso, é necessário saber administrar a loja, para que dessa forma você consiga obter um bom lucro financeiro.

O setor de construção civil está em alta, sempre tem alguém precisando comprar motor garen e outros itens para reformas, reparos ou construções. Para dar andamento a um projeto, é necessário adquirir matéria-prima, o que leva muitos consumidores até as lojas.

Além disso, esses estabelecimentos vendem muitos materiais para quando a obra já está pronta, como tintas e pisos, o que torna o setor mais estável. Entretanto, para montar uma boa loja de material de construção, é necessário saber como fazer isso, seguindo alguns passos.

Para te ajudar com isso, no próximo tópico, vamos mostrar tudo o que você precisa fazer para montar a sua loja e ter muito lucro e sucesso com ela. Acompanhe!

Conheça os passos para abrir a sua loja

Antes de investir em qualquer tipo de negócio, é necessário se atentar a alguns fatores, e com uma loja de material de construção isso não é diferente. Para montá-la, é necessário seguir alguns passos, como:

1 - Avaliar o mercado

Antes de pensar nos produtos que você vai vender, como bomba de água centrífuga, estude bem o seu público e a concorrência, avaliando os pontos fracos e fortes.

É assim que se cria um diferencial no mercado e que consegue destacar o negócio em meio aos concorrentes dele. Veja, também, quem são os fornecedores e escolha aqueles em quem você confia.

Saiba o que a loja vai vender e como é a qualidade desses produtos, visto que os materiais de construção dizem respeito a muitos itens, o que exige muito conhecimento.

2 - Burocracia necessária

Abrir um novo negócio envolve alguns processos burocráticos, e dentre os mais importantes, temos:

  • Registro na Secretaria da Fazenda;
  • Registro na junta comercial;
  • Registro na Prefeitura;
  • Enquadramento nas entidades sindicais;
  • Inscrição na Caixa Econômica Federal;
  • Alvará do corpo de bombeiros.

Qualquer negócio, inclusive uma empresa de segurança eletrônica, precisa se atentar a essas burocracias.

3 - Contratar contabilidade

Os serviços de contabilidade são muito importantes, principalmente se você tiver alguma dúvida em relação à etapa anterior.

Além disso, o contador vai orientar você quanto aos impostos que devem ser pagos e qualquer assunto financeiro relacionado ao negócio. Por isso, é essencial garantir esse serviço.

4 - Definir o público-alvo

O público-alvo de uma empresa é formado por pessoas que tenham interesse nos produtos ou serviços vendidos por ela. Por exemplo, o público-alvo de uma escola de idiomas pode ser estudantes, ambos os sexos, com idade entre 15 e 29 anos, classe média.

É importante saber quem é o público da sua loja de material de construção por diversas razões. Primeiro porque você consegue adequar melhor os produtos que vende.

Então, pensando nisso, se o seu público está mais interessado em cobertura em policarbonato em Parana, é necessário investir nessa solução dentro da loja.

Além disso, se você sabe quem é o seu público-alvo, adequa melhor o atendimento ao cliente, as estratégias de marketing, dentre outras ações voltadas a ele.

5 - Determinar os produtos que serão vendidos

Uma loja de materiais de construção pode comercializar diversos produtos, tais como itens para reformas simples, materiais para construção completa, itens de decoração, ferramentas, dentre outras possibilidades.

Além de definir o que será comercializado, é necessário determinar do modo correto como as mercadorias serão dispostas dentro da loja. Isso vai garantir que o cliente encontre tudo o que procura rapidamente e ainda poderá ver uma quantidade maior de itens.

E alguns produtos essenciais para uma loja de material de construção, de acordo com uma empresa especializada em construção civil, são:

  • Argamassa;
  • Itens de banheiro;
  • Forro de PVC;
  • Material elétrico;
  • Metais;
  • Pisos e revestimentos;
  • Material hidráulico;
  • Impermeabilizantes;
  • Colas;
  • Ferragem;
  • Escadas;
  • Itens de jardim.

Esses são apenas alguns exemplos, mas existem muitos outros produtos que só podem ser encontrados em uma boa loja de materiais de construção.

6 - Formas de divulgação

É importante pensar nas formas de divulgação da nova loja, para que assim você consiga atrair novos clientes. Você já sabe quem é o público-alvo do seu negócio, portanto, pode pensar em canais e meios que vão surtir efeito e impactar as pessoas certas.

Invista em novos modelos de divulgação, pois isso ajuda a atrair uma quantidade maior de consumidores. Mas a publicidade não deve parar depois que você fizer as primeiras vendas.

Na verdade, ela deve continuar, principalmente pela internet, pois esse se tornou o principal meio de comunicação entre empresas e clientes. Invista em estratégias inteligentes como o marketing de conteúdo, que tem como foco a criação de materiais ricos.

Assim, se uma pessoa pesquisar no Google qual o melhor tipo de lustre para banheiro de apartamento pequeno, ela poderá encontrar o conteúdo do seu negócio, e com isso perceber sua autoridade no mercado em que atua.

7 - Montar uma boa equipe de vendas

Tenha atenção em relação à equipe que vai atuar dentro da sua loja, principalmente os vendedores que vão lidar diretamente com seus clientes. Uma equipe bem formada garante o sucesso do negócio, porque os profissionais estão preparados para o atendimento.

Eles precisam saber quais são os produtos oferecidos pela loja e entender bem as particularidades de cada um deles. É dessa forma que você garante a satisfação dos clientes e faz com que eles comprem mais vezes.

Ademais, não basta apenas contratar bons profissionais, é necessário que eles estejam sempre bem atualizados. Assim, eles podem explicar a diferença entre piso autonivelante pu e outros tipos.

Uma das melhores formas de garantir isso é oferecendo cursos e treinamentos para os funcionários. Isso faz com que estejam sempre por dentro do universo da construção civil, além de estarem aptos a prestar um bom atendimento ao cliente.

8 - Garantir o investimento necessário

Por fim, certifique-se de que você pode arcar com todos os custos e investimentos necessários para montar uma loja de materiais de construção.

Esse tipo de empresa não é das mais baratas, entretanto, ela traz um retorno financeiro muito positivo, além de ser muito estável.

Faça um levantamento de tudo o que você vai gastar, como custos com infraestrutura, documentação e fornecedores. Não se esqueça de que além de arcar com essas despesas, é necessário ter uma reserva para manter o negócio nos primeiros meses.

Tudo também depende de algumas particularidades da loja. Por exemplo, se você vai vender aplicação de bona e outros itens para a classe A, vai ter um custo diferente dos de uma loja voltada para a classe C.

Por fim, inclua como valor de investimento o quanto você vai pagar aos funcionários, visto que nos primeiros meses talvez seja necessário garantir o salário deles com o seu capital de giro.

Conclusão

O setor de construção civil é um dos que mais cresce no país, por isso, investir nele é uma boa opção para quem deseja abrir o próprio negócio.

Neste artigo, você conheceu um pouco mais sobre como esse tipo de loja é vantajosa e quais são os procedimentos necessários para sua abertura. Seguindo os passos que mostramos, seu empreendimento estará no caminho certo.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »