18/06/2012 às 01h36min - Atualizada em 18/06/2012 às 01h36min

Saiba como viajar com o casal The Route Maker

Ponto de partida em Quito, por onde tudo começou

Carolina Ferrero

Felipe Gamba e Ana Moreno, casal aventureiro que criou o The Route Maker, completa hoje 427 dias viajando, com uma lista de mais de 34 países visitados. The Route Maker é um projeto ambicioso de volta ao mundo, passando por mais de 46 países em 540 dias. A jornada deste casal começou em Quito, capital do Equador, que com sua riqueza histórica impressionou o casal.

A capital do Equador tem suas peculiaridades. A cidade, também conhecida como “Old Town”, foi declarada pela UNESCO como Patrimônio Mundial, devido a tamanha riqueza cultural presente na arquitetura clássica dos casarões antigos.

Com o turismo favorável, Quito tem muito a oferecer quando se trata de infraestrutura. A cidade oferece a seus visitantes grandes hotéis e restaurantes de altíssima qualidade.

Para começar a explorar Quito, o casal começou com a visita ao Palácio Presidencial. Este local recebe todas as segundas feiras centenas de estudantes uniformizados, que se alinham em frente ao palácio para cantar o hino do país e saudar o presidente. Aproveitando a oportunidade, centenas de pessoas usam este momento para protestar sobre os mais variados assuntos.

Em Quito o trânsito é caótico. Durante o dia é possível ouvir buzinas constantes, ver policiais armados andando pelas ruas, diversos vendedores ambulantes encontrados em cada esquina e muitos estudantes barulhentos. Mesmo com essa peculiaridade a cerimonia termina, com os estudantes ao redor do monumento da Praça da Independência, localizada em frente ao Palácio.

Na Rua das Sete Cruzes mais um ponto turístico importante, não se pode deixar Quito sem antes conhecer a maior catedral da cidade. Ao lado de uma guia local, o casal entra na igreja e se depara com as mais incríveis histórias. Uma das mais pitorescas é a construção da igreja, que iniciou há décadas e até hoje não foi finalizada. Ainda assim, a catedral é uma das mais conhecidas em Quito.

A próxima parada de Felipe e Ana é na La Compania de Jesus, principal igreja utilizada pelos jesuítas. Este, com certeza é um dos locais mais bonitos da viagem. A construção parece simples por fora, mas o interior é todo banhado a ouro 24 quilates. As paredes, as colunas, o teto e as portas possuem imagens delicadas que tiram o folego de qualquer um. Além disso, no altar pode ser observado a sepultura da única santa equatoriana, que doou a própria vida para que os constantes terremotos que aconteciam na região tivessem um fim. Por coincidência ou milagre, os terremotos diminuíram consideravelmente.

Após uma visita religiosa, é chegada a vez de conhecer o monumento La Mitad Del Mundo. Este monumento simboliza a divisão entre o hemisfério norte e hemisfério sul, conhecido como a linha do Equador. Este local é o ponto considerado pelos equatorianos, mas há algum tempo estudiosos descobriram que a linha do Equador, na verdade, passa a alguns metros dali.

Depois de descobrir um lugar fascinante, o casal saiu de Quito e partiu rumo ao arquipélago mais famoso no mundo, as ilhas Galápagos.

Para viajar com o casal The Route Maker, acesse o blog, http://theroutemaker.com/, ou acompanhem nossa viagem em tempo real, através da pagina no facebook. http://www.facebook.com/pages/The-Route-Maker/136626173077697

Contato telefone: 11. 9458-9438

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »