16/09/2014 às 15h33min - Atualizada em 16/09/2014 às 15h33min

Musical celebra os 70 anos de Chico Buarque no Teatro Fernanda Montenegro

Poeta carioca que sempre traduziu universo feminino é homenageado no espetáculo “Palavra de Mulher”, que recebeu duas indicações ao prêmio Bibi Ferreira como Melhor Musical Brasileiro e Melhor Direção

NCA Comunicação
Divulgação

Homenagem das consagradas artistas Lucinha Lins, Tânia Alves e Virgínia Rosa, aos 70 anos do compositor Francisco Buarque de Holanda, o musical “Palavra de Mulher” chega a Curitiba, com apresentações nos dias 19 e 20 de setembro, no palco do Teatro Fernanda Montenegro. Reconhecido por traduzir com perfeição o universo feminino, o poeta carioca Chico Buarque empresta canções de seu repertório como “Flolhetim”, “O Meu Amor” e “Bem Querer” neste musical, que tem duas indicações ao Prêmio Bibi Ferreira 2014, nas categorias “Melhor Musical Brasileiro” e “Melhor Direção” a Fernando Cardoso.

O feminino toma conta do espetáculo que une música e histórias das cantoras atrizes, que se misturam às histórias do universo feminino criado por Chico Buarque. Um espetáculo sedutor, que prende a atenção do espectador do início ao fim. Traz em cena atrizes com forte presença de palco.

São três mulheres fortes em cena e a direção comandada por Fernando Cardoso soube extrair o melhor de cada uma, equilibrando perfis e características individuais em relação às personagens das canções. Uma boa utilização do espaço cênico e dos adereços. Musicalmente impecável pela leveza, pela interação dos músicos com o ambiente e com as atrizes, mas, principalmente, pelos arranjos e desempenho dos músicos. O espetáculo é música, é feminino e as letras são palavras de mulher que tocam a todos.

 

Serviço:

Musical “Palavra de Mulher”

Data: 19 e 20 de setembro

Horário: 21h

Ingressos: R$ 50,00 (inteira) R$ 25,00 ( meia entrada)

Local: Teatro Fernanda Montenegro (Shopping Novo Batel)

Endereço: Rua Coronel Dulcídio, 517, Batel, Curitiba - PR

 

Ficha técnica

Intérpretes: Virgínia Rosa, Lucinha Lins, Tânia Alves
Direção musical e piano: Ogair Júnior
Contrabaixo acústico: Robertinho Carvalho
Bateria e percussão: Ramon Montanhaur
Cenografia: Fernando Cardoso
Figurinos: criação coletiva
Iluminação: Cristiano Paes
Direção geral: Fernando Cardoso

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »