26/04/2021 às 11h39min - Atualizada em 26/04/2021 às 22h20min

Tom Nascimento aparece 'nu' no clipe da música "Abriu"

Para o artista, a nudez no vídeo mostra o ser humano como natureza, do renascimento da semente, já que hoje o país vive em estado de puro conservadorismo; clipe tem a participação do músico Tiago Nonato, que também se despiu para as lentes

SALA DA NOTÍCIA Grupo Balo
www.grupobalo.com
Quebrar as paredes do preconceito mostrando que o ser humano é muito mais do que um número na previdência social e nos registros cartoriais. Seguindo essa linha e ideologia, o músico mineiro Tom Nascimento, que lançou recentemente o clipe da canção “Abriu”, que faz parte da campanha “Abril se Abriu pra Mim”, aparece no vídeo totalmente “nu”. Para ele, a nudez é o renascimento da semente e das novas possibilidades, um “grito de socorro para todos” de que é preciso cada vez mais, acabar com as amarras culturais que fecham as portas no Brasil e no mundo O registro, que está disponível no YouTube, ainda conta com a participação do músico Tiago Nonato.

De acordo com o cantor e compositor Tom Nascimento, a ideia da nudez surgiu durante a gravação do clipe. Vendo o resultado, o músico percebeu que estar despido no vídeo traz um contexto muito mais forte do que se imaginava. “A nudez no clipe fluiu e aconteceu do nada. Ou seja, não foi nada premeditado por mim e pela produção que trabalhou conosco. Falo que estávamos prontos para ela, ou seja, a nudez nesse caso representa o ser humano como natureza e não apenas como uma parte de algo. Representa para mim também o renascimento da semente. Mas existem outras perspectivas para mostrar tudo isso, pois hoje vivemos em um momento diferente, já que vivemos em um estado conservador, que em minha opinião, demoniza a natureza, porque o nu é natural e nada mais claro do que isso para mostrar que existe uma falta de compreensão da natureza e da nossa parte como agentes nela”, comenta.

Segundo Tom Nascimento, é uma forma de mostrar que é preciso quebrar as amarras culturais que fecham portas em todo o mundo. Sobre a participação do músico Tiago Nonato, ele diz que foi a escolha certa. “Falo de despir das várias amarras culturais que vem fechando portas em todo o mundo. Estamos em um abril, lançando Abriu e buscando abrir novas oportunidades. O nu representa essa chave de abertura para o novo”, diz.

Abriu
Com um violão percussivo, somado ao uso “loop station”, o artista genuinamente original e único e, que já dividiu palcos e gravações com grandes artistas brasileiros, passando por Milton Nascimento, Gilberto Gil, Luiz Melodia, Chico César, Sandra de Sá, Gerson King Combo, dentre outros, lançou no último dia 19 mais um trabalho inspirador. O músico presenteia o público com “Abriu”, nova canção que faz parte da campanha “Abril se Abriu pra Mim”, cujo clipe pode ser visto no YouTube e o áudio disponível nos principais streamings de música.

De acordo com o cantor e compositor Tom Nascimento, a música “Abriu” chegou em um momento importante da sua carreira, que, assim como toda cadeia cultural, sofre com os impactos da pandemia. Ele destaca que o amor ainda é a melhor arma para combater qualquer mal, principalmente em tempos difíceis. “A música Abriu me veio como um alento, como um sinal de que estava no caminho certo. Caminho este que me conectava com meu tambor interior, minha ancestralidade, minha fé. Ou seja, com a minha espiritualidade, com a natureza, com as diversidades e tantos outros valores que vão ao encontro de alguém que é pelo amor, pelo positivo, pelo movimento constante de aprendizado que é a vida. Em resumo, a letra da música me soa como o fim de uma grande espera, término e início de ciclos, possibilidades positivas em meio ao caos e da abertura de caminhos, me fazendo perceber e entender que o mês de abril foi certeiro e poético para que eu recebesse o abriu de cada estação, de cada momento”, explica.

Segundo Tom Nascimento, a escolha do lançamento da música veio em um momento de reflexão. “Estamos sob o efeito de uma pandemia que tem trazido muita dor, tristeza, desesperança, adoecimento psicológicos em massa e muitos outros males que nos atravessam a todos o tempo todo. Entendendo o quão pequenino sou, me valho da força ancestral do Samba, somado ao poder transcendental das artes visuais, da potência da arte dos encontros, para contrapor toda esta negatividade que aí está através do clipe 'Abril se Abriu pra Mim'. Ou seja, o prenúncio de um novo tempo, de novas possibilidades de coexistência e de um conceito chamado 'lanternas voadoras', onde cada um acende sua luz interior, para que juntos iluminemos o mundo e então, Abril se abra para todos nós”, conclui.

Tom Nascimento
Nascido em Belo Horizonte, mas crescido em Santa Luzia, na região metropolitana, Tom Nascimento possui 23 anos de carreira dedicados à música, como cantor, instrumentista e compositor. Iniciado no violão erudito, ainda nos bares encantou-se pela música popular brasileira e, especificamente, pelos ritmos e canções de origem africana, que vão do samba aos ritmos nordestinos, e que na música de Tom Nascimento encontram-se com o rhythm'n'blues, reggae e outros estilos para compor um “afropop” à mineira. Em 2004, o artista foi convidado para ser vocalista da banda Berimbrown, posto que ocupou até 2006. Com a banda, o artista participou de três turnês pela Europa (Alemanha, Áustria e Suíça), foi destaque na mídia nacional e gravou e se apresentou com grandes artistas brasileiros.

Em julho e agosto de 2008, Tom realizou a primeira turnê solo internacional pela Itália, com shows pelas cidades de San Remo, Bussana Vecchia, Bussana Mare e Vitimiglia. A composição “La Formica Teresa”, com letra em italiano e que mistura funk, salsa e ragga, teve vídeoclipe gravado durante o verão italiano. Ainda em 2008, o músico recebeu o Prêmio Mineiro de Música Independente e foi um dos artistas selecionados na primeira edição do programa Vozes do Morro. Em 2013, fez o show de abertura para o Jota Quest na reinauguração do estádio Mineirão, em Belo Horizonte.

Ficha técnica do clipe Abriu
Produção, direção musical, violão, voz e arranjos - Tiago Nonato
Mixagem, Saxofone, Clarinete, Pandeiro e Tamborim – Sérgio Danilo
Trombone – Leonardo Brasilino
Trompete - Lucas Nascimento
Direção de fotografias - Rafael Freire e Vivih Souza
Direção de vídeo – Rafael Freire, Vivih Souza
Cinegrafistas e fotógrafos – Hayede xu, Tiago Jesus, Felipe Diniz, Rodrigo Zazá
Composição – Tom Nascimento


Clipe no Youtube YouTube: https://youtu.be/kAM5fr0CF1M
Instagram: @tomnascimentooficial
Patrocínio da empresa “Vídeo Delivery/Lanternas Voadoras” em parceria com o fotógrafo Rafael Freire e o Compositor e Produtor Musical Tiago Nonato

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »