15/08/2014 às 02h48min - Atualizada em 15/08/2014 às 02h48min

Systax realiza projeto fiscal na Rio de Janeiro Refrescos - uma das maiores fabricantes Cola-Cola no Brasil

O projeto contou com a atribuição NCM dos materiais, revisão das descrições e da classificação fiscal e revisão das descrições de novos itens que são cadastrados diariamente na Companhia de Bebidas Ipiranga

Ideia da Coisa

São Paulo – A Rio de Janeiro Refrescos é uma das maiores fabricantes Coca-Cola no País. Atualmente, quando se fala em Coca-Cola no Brasil, fala-se de um sistema que reúne 39 fábricas operadas por 16 grupos empresariais, com quase 25 mil funcionários e frota de cerca de 10 mil veículos, responsável pelo abastecimento de mais de 1 milhão de pontos de venda em todo o país.

 

A Rio de Janeiro Refrescos apostou na Systax, companhia de inteligência fiscal e única detentora de um acervo de 1 milhão e quatrocentos mil regras tributárias, para conduzir o projeto de saneamento do cadastro de materiais que teve três fases: revisão e/ou atribuição da Nomenclatura Comum do Mercosul (NCM) dos materiais da fabricante, revisão das descrições e também a classificação fiscal e revisão da descrição dos novos itens que são cadastrados diariamente.

 

A correta classificação fiscal de mercadorias na NCM é de extrema importância. Além de ser obrigatória em documentos fiscais, é fundamental na identificação de diversos tributos, como IPI, II, PIS, COFINS e ICMS. No âmbito do comércio exterior, ainda há previsão de multa de 1% sobre o valor aduaneiro da mercadoria classificada incorretamente, sem contar que sem a NCM se torna impossível os procedimentos administrativos para uma importação.

“A fabricante tinha problemas em sua base de cadastros e optou por criar uma área central na qual eram direcionados todos os cadastros da empresa. A necessidade inicial fez com que a Systax revisasse essa base de cadastros já existente e auxiliasse a equipe interna nos novos cadastros com o objetivo de estancar o problema”, relata a gerente comercial da Systax, Thaís Borges.

Para a Coca-Cola houve melhora nos processos de cadastros com a centralização, como a redução de duplicidades no sistema, mais qualidade nas informações, alinhamento dos processos com áreas requisitantes como almoxarifado e engenharia e o mais importante, confiabilidade nas NCMs dos materiais que é base para determinação de diversos tributos. “Estamos de acordo com a legislação, e a Systax nos ajudou para isso, o contrário possivelmente geraria uma perda para empresa”, relata Airton Gomes, que é gestor das áreas de almoxarifado, cadastro, faturamento e fiscal.

 

Gomes comenta ainda, que a classificação de material (NCM), tributação e acompanhamento desses cadastros, são os diferenciais da Systax. “Além disso, são  receptivos, desde a aprovação do projeto, até hoje. Quando surgem problemas ou dúvidas, ligamos para a Systax e nossos problemas são solucionados com rapidez”.

 

A Systax reúne duas expertises para criar uma solução diferente, “temos conhecimento fiscal especializado e capacidade para gerar soluções tecnológicas que levem o conhecimento fiscal a produzir benefícios reais nos processos de nossos clientes. A Systax se destaca ao fazer uma boa combinação desses dois fatores”, comenta o diretor da Systax, Fábio Rodrigues.

 

Sobre a Systax

A Systax Sistemas Fiscais acompanha diariamente as mudanças da legislação tributária para garantir a atualização constante dos parâmetros fiscais nos diversos ERPs e sistemas fiscais. Também valida as informações tributárias constantes da Nota Fiscal Eletrônica (NF-e), permitindo a correta geração do SPED. Para tanto, mantém uma base de dados com 1 milhão e quatrocentos mil regras fiscais estaduais, federais e municipais, abrangendo ICMS, ICMS-ST, PIS, COFINS e IPI. Veja mais: www.systax.com

Para maiores informações

Assessoria de imprensa:

Ideia da Coisa Comunicação

11 3713-8160

 

Juliana Garcia

11 9 8209-8903

[email protected]

 

Gabrielle Bertoni

[email protected]

 

 

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »