15/08/2014 às 03h08min - Atualizada em 15/08/2014 às 03h08min

COORDENADOR DO RUNGIS SE REUNE COM ATACADISTAS DA CEAGESP PARA TROCA DE EXPERIÊNCIAS EM MOMENTO DE RENOVAÇÃO

A finalidade é de modernizar o entreposto e aprender com as práticas do maior mercado do mundo

Communica Brasil

Na manhã de ontem, 12/08, os atacadistas da Ceasa, Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo, trocam experiências com Mayeul Nicolas, Coordenador do Rungis, o maior mercado de produtos frescos do mundo, com a finalidade de modernizar e aprender com as práticas do mercado francês. Conhecido como mercado modelo, o entreposto de mais de 2 milhões de metros quadrados, tem cinco pavilhões gigantescos, 10 restaurantes, 1,5 milhões de toneladas de produtos expostos entre frutas, legumes, ervas, aves, carnes, queijos e verduras. “Minha sugestão para o Ceagesp manter sua boa imagem é manter o mercado limpo e organizado para o público e evitar os congestionamentos de veículos”, afirma Nicolas.

 

Com a presença do Presidente do Sincaesp, José Luiz Batista, durante o encontro os atacadistas tiraram suas dúvidas a respeito do funcionamento do Rungis para poder melhorar a Ceasa de São Paulo. “Em Paris, o Rungis é uma empresa privatizada, com o terreno do Estado. O novo mercado foi pensado e reformulado em virtude da fluidez da logística, temos todas as operações automatizadas”, explica o Coordenador do Rungis.

 

O Rungis trabalha com produtos frescos, de rotação de 24 horas. “Na década de 1970 o mercado sofreu com o crescimento dos supermercados, que passaram a comprar direto do produtor. Entretanto, o entreposto se reestruturou e a qualidade oferecida passou a ser considerada superior as dos supermercados”, diz Nicolas. 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »