11/08/2014 às 02h47min - Atualizada em 11/08/2014 às 02h47min

Baruel reduz em 30% custos com telecomunicações e aprimora processos produtivos e logísticos com rede da Neovia

A VPN (rede virtual privada) fornecida pela Neovia garante à Baruel acesso estável e seguro às suas informações do sistema de gestão, interligando a matriz da empresa, no Brooklin, a fábrica de Guarulhos e o centro de distribuição da rodovia Anhanguera

Sthephanie Thomazini

A Baruel (http://www.baruel.com.br/), fabricante de produtos de higiene pessoal, tinha até o início deste ano o desafio de tornar mais estável a comunicação entre suas três plantas localizadas no Estado de São Paulo, aprimorando o acesso aos dados de seu sistema de gestão e, consequentemente, seus processos produtivos e logísticos. Para atender a essa demanda, a Baruel contratou a Neovia Solutions, prestadora de serviços de telecomunicações e soluções de conectividade com uma rede totalmente baseada em tecnologia IP wireless.

 

Foi então fornecida para a Baruel uma VPN (rede virtual privada), interligando a matriz da empresa, no Brooklin, a fábrica de Guarulhos e o centro de distribuição da rodovia Anhanguera. De acordo com o gerente de TI da Baruel, Clenaldo Souza, a troca do antigo fornecedor de telecomunicações pela Neovia melhorou a qualidade de conexão e trouxe uma redução de 30% nos custos do serviço. Em breve, haverá a migração das informações corporativas para um datacenter, ponto que também será interligado à VPN fornecida pela Neovia para a Baruel.

 

“A ideia é nos posicionarmos no cliente final como um solucionador de problemas, entendendo a necessidade do seu negócio, melhorando sua produtividade com implantações de camadas de serviços que permitam aos usuários uma percepção de ganho com agilidade e qualidade no acesso de suas aplicações”, afirma Luiz Buslik CCO da Neovia.

 

Tecnologia de rádio – Segundo o gerente de TI da Baruel, a tecnologia wireless utilizada pela Neovia tem se mostrado extremamente eficaz no atendimento das necessidades da fabricante. “Geramos economia e tivemos um aumento significativo na velocidade do acesso. Essas melhorias tiveram impacto positivo direto em nossa produtividade, pois a nossa linha de produção e o faturamento não podem sofrer paradas por lentidão ou quedas do sistema”, afirma Clenaldo Souza.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »