27/07/2014 às 06h15min - Atualizada em 27/07/2014 às 06h15min

Comunidade mulçumana celebra o Eid Al Fitr - Confraternização pelo término do Ramadan

Mesquita Brasil realiza em 28 de julho grandioso evento para celebrar a ocasião

Carla Pinho

Uma das mais importantes datas do calendário islâmico, o Ramadan – jejum – tem festa de encerramento em 28 de julho na Mesquita Brasil. Para marcar a ocasião acontece a celebração “Eid Al Fitr” a partir das 07 horas na Rua Barão de Jaguará, 632 – Cambuci – São Paulo.

A cada ano durante o mês sagrado os muçulmanos jejuam da alvorada até o pôr do sol, se abstendo de comida, bebida e relações sexuais no intuito de cultivar os ensinamentos inspirados no Sagrado Alcorão.

Ao término do período a confraternização “Eid Al Fitr” reveste-se de grande importância não só para a comunidade islâmica, mas para toda a sociedade, pois demonstra a tolerância e abrangência da religião entre todos os povos e crenças através de uma grande confraternização.

Presente no país desde o fim do século 19, o Islamismo teve como uma das principais entidades a Mesquita Brasil. Atualmente a comunidade, que representa 1/5 da população mundial, segue os preceitos ensinados por Muhammad (Deus o abençoe e lhe dê paz), que inclui, além da religião, um completo sistema de vida.

 

Mais sobre o Ramadan

Quarto pilar do islamismo, a prática preconiza que todos os fiéis devem seguir a disciplina como exercício para a aproximação de Deus, já que o jejum unifica emoções e sentimentos de pobres e ricos. Tal experiência é ainda uma forma de levar à compreensão do sofrimento dos menos afortunados.

Uma vez por ano os muçulmanos praticam o jejum durante trinta dias, de acordo com o calendário lunar. Tida também como forma de purificação espiritual, recai sobre todos os muçulmanos, exceto crianças, doentes, idosos, fiéis em longas viagens. Mulheres que estejam no ciclo menstrual, gravidez, ou em dieta pós-parto também estão isentos da prática.

Porém, na impossibilidade da realização da prática os fiéis devem alimentar uma pessoa necessitada para cada dia não jejuado. Ao término do período de jejum há a Festa do Desjejum (Eid el Fitr), onde as pessoas oram e aproveitam para praticar o perdão e se confraternizarem, reafirmando os ensinamentos seguidos, entre eles o Amor e a Paz entre os homens.

Outro importante pilar do Islamismo, o Zakat – tributo religioso – tem cunho especial durante o Ramadan, pois, neste período, 2,5% sobre os lucros anuais obtidos pelos fiéis são doados para ajudar pessoas necessitadas. Tão importante quanto o jejum, a ação proporciona o auxílio a pessoas carentes da comunidade em geral.

 

Sob a vontade de Deus

O Islam, palavra que em árabe significa submissão voluntária a Deus e, em sentido literal Paz, pode ser entendido no sentido religioso como total submissão a vontade de Deus. É uma religião e um completo sistema de vida. 

O Islamismo é uma verdade revelada por Deus ao profeta Muhammad (Deus o abençoe e lhe dê paz) e preconizada pelo Alcorão – livro sagrado dos mulçumanos, que contém a mensagem do Criador à humanidade e trata do relacionamento de Deus com os homens e assuntos como a criação de uma sociedade mais justa e a correta conduta humana.

O mulçumano é todo aquele que segue a prática de uma religião de paz, misericórdia e perdão, além de crer em um Deus único e absoluto acima de tudo, nos anjos e nos profetas e seguem cinco pilares básicos: a crença em Deus único; na Oração; Jejum - Ramadan; Zakat – Tributo e Hajj – peregrinação à cidade sagrada de Meca.

 

Mesquita Brasil

A Mesquita Brasil foi a primeira construída em toda América Latina, com início das obras em 1929. É uma das mais importantes propagadoras do islamismo no Brasil, que prega a paz e a tolerância. Além disso, o Islam difunde entre seus seguidores a promoção do bem e a repressão ao mal. 

Embasada nestes princípios a Sociedade Beneficente Muçulmana, que é a primeira e uma das principais entidades e centro de referência no Brasil, dispõe de um calendário repleto de eventos cuja meta principal é impulsionar ações em prol da comunidade. Mais informações em www.mesquitabrasil.com.br

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »