25/10/2020 às 12h59min - Atualizada em 26/10/2020 às 09h28min

Pela primeira vez em formato online, 6º Fórum das Virtudes vai refletir as adversidades

Gratuito, evento acontece às 20h20 do dia 11/11 pelo Zoom; com vagas limitadas, é preciso preencher uma inscrição antecipada para participar ao vivo

SALA DA NOTÍCIA Patricia Nascimento
As adversidades são uma realidade na vida de qualquer pessoa e os fatores sociais que as desencadeiam (infelizmente) são plurais. O exemplo mais recente – e de proporção global – é a pandemia, decretada em meados de março e responsável por fazer com que pessoas do mundo todo aprendam a lidar com as distâncias e suas próprias emoções. Com o cenário incerto, o Brasil somou um aumento de 27,6% nos índices de desemprego (entre maio e agosto de 2020) e, aliado à falta de apoio aos mais vulneráveis, o país se tornou um epicentro emergente de fome extrema, segundo relatório da Oxfam. Dados como esses corroboram também para o aumento gradativo dos transtornos mentais, como depressão e ansiedade, observados por órgãos e associações ligadas à saúde.
 
Sem a intenção de minimizar ou invalidar as dores, a Embaixadores da Prevenção segue com um trabalho focado em respostas. E para colaborar para a mudança do olhar para o problema, a ONG campineira promove, de forma ativa, as discussões e reflexões que cercam a formação do ser humano. Pensando nisso, e abrindo o leque para que toda desventura seja incluída na discussão, o 6º Fórum das Virtudes vai mediar quatro palestras que vão se conectar com o tema Virtudes nas Adversidades. O evento está marcado para quarta-feira, 11/11, às 20h20, no Zoom.  Realizado pela primeira vez no formato online, as inscrições são limitadas a 100 participantes.
 
Virtudes nas adversidades
Como o ser humano, historicamente, é um ser social, a vida em grupo tem sua importância. Talvez por isso, o isolamento tenha reverberado tanto nos distúrbios mentais. “O isolamento social tem provocado em pessoas de todas as faixas sintomas de ansiedade, irritabilidade e de pensamentos antagônicos, como a saudade da vida anterior à pandemia ao mesmo tempo em que sentem medo do contato físico e/ou de adoecerem, além do cansaço pela nova vida online e do aumento de casos de dependência tecnológica. Tudo isso gera um aumento de estresse, somado a uma sociedade que não é ensinada a lidar com sentimentos e emoções”, explica Iuri Capelatto, Psicólogo e Psicoterapeuta com Especialização em Neuropsicologia aplicada à Neurologia Infantil.
 
Conhecendo o problema, é possível dar luz às soluções. E uma das ferramentas cabíveis está associada à Psicologia Positiva (conhecida como a Ciência da Felicidade), que oferece um viés científico sobre as virtudes e as forças pessoais que as constroem, com o objetivo de garantir às pessoas a sensação de bem estar. “Neste momento, em que precisamos lidar com um cenário desconhecido em função da pandemia, é de extrema importância que possamos ser amparados pela certeza de que existem ferramentas, intervenções e conceitos com bases científicas para amparar de forma eficaz este processo de adaptação”, comenta Priscila Gonçalves, que é gestora de Recursos Humanos e Especialista em Desenvolvimento Humano e Psicologia Positiva.
 
Seguindo com as observações da história, é possível perceber que o ser humano recria formas de resposta à vida (de forma coletiva e individual) em momentos de crise. “Muitas vezes, são nos momentos mais difíceis que reunimos forças internas para superar os problemas. Numa visão filosófica, as virtudes também são forças, potências vitais, que cada ser humano carrega dentro de si. Então o evento será muito importante para difusão dessas ideias tão fundamentais no nosso momento atual”, aponta Aline Freitas, psicopedagoga da Escola de Filosofia Nova Acrópole, que vai mediar uma reflexão sobre “como cultivar as sementes das virtudes”, enfatizando que em meio às adversidades é possível gerar as condições necessárias para que estas sementes floresçam.
 
O Fórum das Virtudes, portanto, tem o objetivo de democratizar o acesso à informação para que, a partir do conhecimento, as pessoas se empoderem das virtudes e ressignifiquem as adversidades por meio do sentir, pensar e fazer melhor, que é a missão da Embaixadores da Prevenção. “Iniciativas como essa são fundamentais para o enfrentamento ativo e positivo dos problemas. A troca de experiências e ideias permite isso, reverberar soluções e respostas para as necessidades atuais”, pontua Aline. “São movimentos como este que promovem espaços de acolhimento às pessoas para refletirem e desenvolverem virtudes e comportamentos de autocuidado e autoestima”, completa Capelatto.
 
Representando a ONG, Eduardo Virgílio (coordenador cultural) e Hélio Braga (coordenador pedagógico) encerram o webinar, arrematando o conteúdo para o tema central – virtudes nas adversidades. “Um ano atípico como esse, demandou ainda mais virtude de todos nós, especialmente para entendermos como o trabalho da Embaixadores, refletido na proximidade, poderia ser continuado em um momento que pede o distanciamento social. Por isso, vamos concluir o evento refletindo sobre os desafios impostos pela pandemia, sobre como as ideias virtuosas podem nos ajudar em momentos como este e sobre como a ludicidade, associada à arte e cultura, pode ser usada como elemento de reflexão e transformação do indivíduo”, pontua Eduardo.


 
Como participar?
O evento online acontecerá no dia 11/11 às 20h20 pela plataforma Zoom, cujo formulário de inscrição está disponível desde a última sexta-feira [https://bit.ly/inscricao_6forumdasvirtudes]. “É importante que todos os dados estejam corretos, especialmente o e-mail, que é por onde as pessoas receberão o link de acesso e uma senha, gerada pela própria plataforma, que pode ser solicitada no momento do login, no dia do evento”, explica Angela Resta, produtora do evento que faz parte das ações de contrapartida do Plano Anual – Por um Mundo de Virtudes, patrocinado pelo Bradesco via Lei de Incentivo à Cultura.
 
Pelas redes sociais (Facebook e Instagram), os espectadores poderão acompanhar todas as atualizações acerca do evento gratuito pelas redes sociais. Vale ressaltar que apenas 100 pessoas poderão participar webinar ao vivo pelo Zoom; o vídeo, no entanto, ficará disponível posteriormente nas redes sociais e no YouTube oficial da Embaixadores da Prevenção, que desde o mês de maio vem compartilhando uma série de vídeos infantojuvenis com contação de histórias para manter ativo o referido projeto.

Serviço
6º Fórum das Virtudes – Virtudes nas Adversidades
Quarta-feira, 11 de novembro de 2020, às 20h20
Link para inscrição: https://bit.ly/inscricao_6forumdasvirtudes
 
Programação
• 20h20 – Abertura com Sandra Sahd 
 20h40 – Priscila Gonçalves | Tema: Construindo virtudes – Uma nova perspectiva com a ciência da felicidade 
• 21h – Aline Freitas | Tema: Como cultivar as sementes das virtudes? 
• 21h20 – Iuri Capelatto | Tema: Emoções no pós-pandemia 
• 21h40 – Fechamento com Eduardo Virgílio e Hélio Braga

Sobre a Embaixadores da Prevenção
Idealizada por Sandra Sahd em 2011, a organização social foi fundada em Campinas no ano seguinte com o objetivo de contribuir para a formação de uma nova geração de pessoas que transforme o mundo através do sentir, pensar e fazer melhor, estimulada pelas atividades e projetos artístico-educacionais que despertam e difundem o tema das virtudes no ser humano. Até 2017, todas as ações eram realizadas em creches e instituições sem fins lucrativos da RMC (Região Metropolitana de Campinas); em 2018, a entidade passou a atender também escolas estaduais da cidade. Desde sua fundação, mais de 15 mil pessoas – entre crianças e adultos – já foram atendidas em suas atividades. Para conhecer mais sobre a organização social, acesse www.embaixadoresdaprevencao.com.br.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »