23/09/2020 às 11h15min - Atualizada em 23/09/2020 às 11h24min

Nutracêuticos: a tendência do mercado de Suplementos Alimentares

Com agendas cada vez mais cheias, as pessoas acabam se esquecendo de alimentar-se saudavelmente e isso pode gerar vários problemas para o organismo. Entretanto, no último ano percebeu-se uma alta demanda no mercado de nutracêuticos, isso porque os profissionais da saúde estão recomendando este suplemento com o objetivo de gerar mais saúde para o organismo. No presente, abordou-se o que é nutracêuticos e oportunidades de terceirização.

DINO
https://hile.com.br/

Com a correria do dia a dia, é cada vez mais comum ver pessoas com falta de nutrientes no organismo, isso acontece pois é necessário ter uma alimentação saudável, sendo que alguns alimentos proporcionam o suprimento que o organismo precisa. Entretanto, a vida agitada acaba não possibilitando o cuidado com a saúde, gerando uma deficiência nutritiva na estrutura interna do corpo. 

Isso se torna uma preocupação social, todavia, estudos apontam que existem alguns suplementos alimentares que podem suprir essa falta de nutrientes no organismo, funcionando justamente como uma suplementação. E com isso, percebe-se que muitos profissionais da área da saúde vêm aconselhando e receitando o uso dos nutracêuticos como está suplementação. 

Mas, antes de tudo é necessário entender o que são nutracêuticos, por isso, preparou-se um conteúdo explanando o que são e a sua importância no dia a dia. 

Nutracêuticos são produtos naturais, os quais são compostos por bioativos presentes que desempenham um papel importante na saúde. Além de serem ricos em vitaminas e sais minerais.

Segundo a Zeisel (Regulation of nutraceuticals. Science 285:1853-55, 1999), nutracêuticos são "suplementos alimentares que contêm a forma concentrada de um composto bioativo de alimento, apresentado separadamente da matriz alimentar e utilizado com a finalidade de melhorar a saúde, em doses que excedem aquelas que poderiam ser obtidas de alimentos." (Farm Akácia)

Desde muito tempo, os nutracêuticos foram utilizados por meio dos alimentos como prevenção dos radicais livres. Alguns exemplos de alimentos com nutrientes essenciais: Peixes (Ômega 3), tomate (licopeno), Cenoura e Beterraba (betacaroteno), entretanto percebeu-se ao longo do tempo que estes alimentos são essenciais e auxiliam no organismo, mas não são se caracterizam como totalidade. 

Além disso, como já abordado acima, com a rotina atarefada os indivíduos acabam não tendo tempo de preparar um alimento saudável e rico. Tendo que procurar por soluções práticas, mas que auxiliam o organismo.  E sim, existe uma alta demanda no mercado, pois cada vez mais as pessoas estão buscando por qualidade de vida, devidos os altos números de casos de obesidade, hipertensão, diabetes e até mesmo doenças mais elevadas como câncer.

É aí que entram os Suplementos Alimentares, todo o conteúdo rico dos nutracêuticos pode ser colocado em cápsulas e solúveis, os quais são desenvolvidos para suplementar o organismo. Sendo que a grande procura e os benefícios ofertados se tornam uma ótima oportunidade de investimento. 

Ter uma linha própria de Suplementos Alimentares pode fazer a diferença em um negócio. Segundo uma pesquisa do Euromonitor, o Brasil lidera o mercado latino de Suplementos, apresentando um crescimento previsto de 3% ao ano. Em 2021, a previsão é que o segmento atinja U$$ 1,4 bilhão. 

Além disso, o Instituto Qualibest destaca que pelo menos 41% dos brasileiros consomem estes produtos para diminuir o cansaço e a indisposição. Outros 21% utilizam complexos para o cuidado com a pele, cabelos e reposição de vitamina D, já para 19% o objetivo do consumo das fórmulas é para emagrecimento e reposição de ferro.

É importante ressaltar a necessidade de terceirizar com uma marca que está dentro da regulamentação da Anvisa. Ou seja, que tenha comprovação regulatória do órgão para que o seu produto não sofra futuros danos. Todos os produtos da Hilê terceirização são feitos em cima das legislações vigentes, sendo as principais, a INSTRUÇÃO NORMATIVA nº 28 de 26/07/2018 e a RDC nº 240 de 26/07/2018. Além de passarem por uma avaliação e aprovação da Anvisa. 

Após isso, é só aproveitar a ascensão e potencial do segmento de Suplementos Alimentares, perante a demanda de mercado. Para saber mais sobre este mercado basta entrar em contato através do site.



Website: https://hile.com.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »