06/08/2020 às 17h22min - Atualizada em 07/08/2020 às 19h56min

Krav Maga é a arte de defesa pessoal em que pais e filhos treinam e evoluem juntos

O Krav Maga – a defesa pessoal israelense – permite que pessoas de sexo, idade e forma física diferentes treinem juntas, inclusive na mesma graduação (faixa).

Isso porque o Krav Maga não é um esporte e nele não há competição. O objetivo é que o praticante aprenda a se defender de um ou mais agressores, armados ou não.

No dia a dia dos treinamentos, famílias inteiras praticam unidas no mesmo tatame, sem que seja necessário qualquer tipo de distinção nas aulas.

O israelense Grão Mestre Kobi Lichtenstein (faixa-preta – 8º Dan), introdutor do Krav Maga no Brasil e presidente da Federação Sul Americana de Krav Maga, explica que o treino misto permite que as pessoas pratiquem umas com as outras, ou seja, que experimentem situações com pessoas mais fortes ou maiores ou não. “Isso estimula o aluno a reagir conforme a proporção da agressão”, explica Grão Mestre Kobi.

Ele também explica que a família que treina junto incentiva a evolução de todos na modalidade. “Ver um pai e um filho pegarem uma nova faixa é emocionante para todos”, afirma Kobi.

 
30 anos de Krav Maga Na América latina -  O Krav Maga é a arte de defesa pessoal israelense foi criada na década de 40 por Imi Lichtenfeld, para que qualquer pessoa seja capaz de se defender, a partir de movimentos rápidos e objetivos.

Há 30 anos na América Latina, a Federação Sul Americana de Krav Maga é a única representante oficial da modalidade no Brasil, onde detém a marca Krav Maga. Também conta com representação no México, Argentina, Canadá e Portugal. É presidida por Grão Mestre Kobi Lichtenstein (faixa-preta – 8º Dan), que foi aluno direto de Imi Lichtenfeld.
 
Para conhecer mais sobre o Krav Maga acesse: www.kravmaga.com.br
Facebook: @mestrekobikravmaga
Instagram: @kravmaga_mestrekobi
Twitter: @KravMagaKobi
Youtube: Krav Maga das Américas
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »