30/06/2020 às 10h18min - Atualizada em 30/06/2020 às 10h38min

DFL, especialista em soluções para produtos odontológicos, investe em teste para diagnosticar a COVID-19

O Brasil figura no topo dos países com o maior número de casos confirmados de COVID-19. Porém, de acordo com boletins divulgados pelo Ministério da Saúde, o país apresenta número de teste abaixo do necessário e esperado em território nacional. Pensando em minimizar essas necessidades a DFL, especialista em soluções para produtos odontológicos, está ampliando seu portfólio para produtos médicos e agora disponibiliza testes para diagnóstico da COVID-19.
É a partir da tradição e know-how em anestésicos odontológicos, e alinhada às necessidades do mercado, que a DFL está entrando no segmento médico, iniciando pela distribuição de dois testes: o COVID-19 IgG/IgM Test (teste rápido) e o GenePro COVID-19.
No dia 22 de junho, a DFL em parceria com a Gencurix, conceituada empresa Sul-Coreana especializada em diagnóstico molecular, traz ao Brasil o GenePro COVID-19. Kit de diagnóstico in vitro que usa a técnica de RT-PCR para detecção da COVID-19.
O teste molecular padrão-ouro, RT–PCR (sigla em inglês para transcrição reversa seguida de reação em cadeia da polimerase), foi desenvolvido com base nas “Orientações provisórias da Organização Mundial da Saúde (OMS) para testes de laboratório para o novo coronavírus 2019 (SARS-CoV-2) em humanos”.
“Com o GenePro COVID-19 é possível identificar a presença de RNA viral em amostras de células coletadas a partir de secreções. O kit, com 100 testes, possui enzima de alto desempenho que fornece a mais alta sensibilidade e especificidade de detecção, com quantidade mínima de amostra, evitando falso positivo e falso negativo”, explica Rafael Cisne, Diretor de Tecnologia e Inovação da DFL.
Teste rápido - Em abril, a DFL lançou no Brasil, em parceria com a Sul-Coreana Humasis CO., renomada indústria de diagnóstico In-Vitro, o COVID-19 IgG/IgM Test. O kit de teste imunocromatográfico rápido, com 25 unidades, revela o resultado em 15 minutos, a partir da detecção de anticorpos IgG e IgM para COVID-19. Ou seja, diz se a pessoa foi infectada por SARS-CoV-2 caso o corpo já tenha criado anticorpos contra a doença.
O COVID-19 IgG/IgM Test foi avaliado em um estudo clínico, feito no Hospital de Sun Yat-sem University, para a validação de sensibilidade e especificidade. O teste mostrou sensibilidade de 90% e especificidade de 100% após 7 dias do aparecimento dos sintomas e/ou contágio. O produto foi validado pela Câmara Brasileira de Diagnóstico Laboratorial (CBDL) e o Instituto Nacional de Controle de Qualidade e Saúde (INCQS) mais conhecido como Fiocruz.
O teste deve ser manipulado por profissionais de saúde seguindo corretamente as instruções de uso na bula. Além disso, é necessário possuir os materiais apropriados para realizar a punção capilar (furo no dedo) e para o descarte (todas as amostras devem ser consideradas como material contaminado). A procura pelo exame foi tão grande que há uma fila de espera para os interessados em adquirir o produto. Saiba mais em https://dfl.com.br/covid19
O uso de teste rápido para diagnóstico da Covid-19 ganhou força no Brasil em abril, com a chegada dos primeiros kits no país. Prático e rápido, com o exame é possível saber em poucos minutos se o paciente foi contaminado pela doença.
“A estratégia aquisição dos exames faz parte da ampliação da DFL para a área médica. Estamos atuando no Brasil há 80 anos, somos líderes no mercado nacional de anestésicos injetáveis e agulhas gengivais, e exportamos para mais de 45 países. A DFL segue inovando e pensando em outros lançamentos para suprir importantes demandas médicas no Brasil. Estamos fechando parcerias com médicos e especialistas na área de saúde e em negociação com uma empesa coreana para mais novidades na área médica. Não vamos parar e, mesmo com a pandemia, queremos crescer 20% comparado ao ano passado, quando crescemos 35%”, revela Joel Kos, CEO da DFL.
Inovando há mais de 80 anos   – Nos primeiros anos de fundação, a DFL atuava apenas como importadora, mas rapidamente se estabeleceu como a maior representante da indústria americana e europeia de odontologia no Brasil. Nos 40 anos seguintes a empresa passou por grandes mudanças ao iniciar a produção local de produtos odontológicos e construir sua sede no Polo Farmacêutico de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, onde funciona até hoje.
O início da fabricação de anestésicos injetáveis, em 1998, marcou uma nova era para a DFL, com o reconhecimento da qualidade dos produtos e fase de grande crescimento na empresa. Em 2009, uma reestruturação interna modernizou a DFL possibilitando o aumento na produtividade e a criação de um laboratório de P&D de última geração, assim como a ampliação do portfólio de produtos. Houve ainda inauguração da linha 2, pensada para ampliar ainda mais a produção de anestésicos, visando o crescimento de participação no mercado nacional e internacional.
Muito além da odontologia - Hoje, a DFL exporta para mais de 45 países e detém certificações importantes, como: Certificado de Boas Práticas de Fabricação e Controle CBPFC ou GMP – Good Manufacturing Practice vigente pela ANVISA, que dispõe das práticas obrigatórias nos processos de produção; o Selo ABO Recomenda, conquistado em 2019; a Certificação CE, que permite a comercialização dos produtos na comunidade europeia; o ISO 13485: 2016, que regulamenta a segurança e eficácia em produtos e serviços no mercado médico; e a certificação da FDA – Food and Drug Administration, a agência federal do departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, que visa proteger a saúde pública e certifica os produtos e dispositivos médicos que garantem segurança e eficácia.
Usando toda sua expertise, acumulada em quase um século de atuação, é que a DFL está entrando no segmento médico. Essas e outras ações inovadoras refletem positivamente não só para o segmento odontológico, através do desenvolvimento de novos produtos, pesquisas, análises de novos mercados, novos negócios, mas também nas oportunidades de crescimento oferecidas aos colaboradores da empresa e para a sociedade, na entrega de soluções e na geração de novos empregos.
Responsabilidade Socioambiental - A DFL, verdadeira empresa cidadã, possui parcerias com o Hospital Mário Kröeff, que há 70 anos presta atendimento digno às populações mais carentes da cidade do Rio de Janeiro e com a Creche Dom de Amar, com doações mensais para a compra de fraldas e leite, além de campanhas no Dia das Crianças e Natal. A DFL também está engajada em um projeto de Sustentabilidade, onde as ações e as atividades humanas não comprometam o futuro das próximas gerações. A empresa possui ainda uma Política Ambiental com objetivo de prevenir a poluição, a partir do estabelecimento de práticas de gestão ambiental, motivar os colaboradores em busca de melhoria contínua da preservação do meio ambiente, uso racional de recursos naturais e eficiência energética e atender os requisitos legais aplicáveis que se relacione aos aspectos ambientais.
Sobre a DFL
Presente no mercado brasileiro há 80 anos, a DFL é a maior representante da indústria americana e europeia de odontologia no Brasil. Possui inúmeras certificações importantes que regulamentam a segurança e eficácia em produtos e serviços no mercado odotológico e médico. Hoje a DFL exporta para mais de 45 países, em alguns dos mercados mais importantes do mundo com modernidade e inovação. A partir da tradição e know-how em anestésicos e alinhada às necessidades do mercado, em 2020 a empresa está entrando no segmento médico, a começar pela distribuição de testes para a COVID-19 pensando em suprir importantes demandas médicas. https://dfl.com.br
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »