28/05/2012 às 23h28min - Atualizada em 28/05/2012 às 23h28min

Muro Verde da GreenWall Ceramic integra três ambientes da Casa Cor São Paulo 2012

No evento referência mundial em arquitetura, paisagismo e decoração, a presença dos jardins verticais reforça as vantagens da integração entre design e vegetação

Pitanga Comunicação - fotos: Wagner Silveira

Com o tema Moda. Estilo. Tecnologia, a Casa Cor São Paulo 2012 abre a 26ª edição a partir do dia 29 de maio, no Jockey Club de São Paulo. Dentro da tendência de apresentar ambientes que mesclam materiais sustentáveis, conforto e beleza, entre os mais de 90 espaços em exposição esse ano, três vão apresentar os jardins verticais da GreenWall Ceramic, presente ao evento pelo terceiro ano consecutivo. Trata-se de uma solução simples e prática para a criação de muros verdes em projetos residenciais, corporativos e comerciais que, além do apelo estético, promove redução da poluição sonora e do ar e isolamento térmico – uma parede verde em espaços fechados pode diminuir em até 3 graus a temperatura, proporcionando economia no uso do ar-condicionado.

“Participar da Casa Cor é uma oportunidade para oferecer tanto ao público visitante quanto aos profissionais atuantes no mercado de arquitetura, paisagismo e decoração a experiência de vivenciar a nossa marca em ambientes projetados com jardins verticais que promovem uma experiência real de contato com a natureza, conforto térmico e visual”, conta Patricia Maia, diretora comercial da GreenWall Ceramic. “E, ainda, possibilita que no curto tempo de duração da mostra, cerca de dois meses, o público possa acompanhar o desenvolvimento das espécies”, finaliza Maia.

No caso do arquiteto e paisagista Ronaldo Kurita, a facilidade de adaptação do muro verde a espaços de diferentes tamanhos o atraiu na escolha da solução para compor o ambiente que leva a sua assinatura, um jardim para casa de campo ou Jardim das Casas, com 400 m2. “O fato de ser modular permite adaptar o sistema às dimensões disponíveis para receber o jardim”, enfatiza. Além disso, Kurita destaca como qualidades a composição cerâmica do material na manutenção da umidade e temperatura ideal da vegetação e a durabilidade do sistema, positiva na relação custo benefício. “Na hora de instalar, a colocação dos blocos lado a lado formando uma canaleta no comprimento desejado possibilita às plantas um crescimento sem barreiras”, completa o paisagista, que conheceu a solução na Casa Cor 2011 e já a havia utilizado em um muro de 90 m2.

Os visitantes da Casa Cor São Paulo também irão se deparar com o muro verde GreenWall Ceramic no ambiente externo de uma academia, projeto da arquiteta Cristiane Schiavoni. Com a criação de um jardim vertical que integra as plantas à tecnologia e bem-estar, a profissional viu na solução a possibilidade de promover um equilíbrio ao normalmente movimentado espaço de exercícios físicos. “A parede com flora nativa tornou o ambiente muito mais agradável e aconchegante em termos de conforto térmico e acústico, expressando o que o público de hoje busca: o elo entre saúde e bem-estar em um mesmo ambiente”, declara a arquiteta.

O arquiteto Ricardo Rossi também incorporou o jardim vertical ao ambiente projetado para a edição 2012 da Casa Cor São Paulo, um restaurante. Com 350 m2 na área interna mais 180 m2 na externa, o projeto terá grande visibilidade na mostra. “O jardim vertical GreenWall Ceramic emoldura todo o meu espaço, agregando funcionalidade e beleza ao projeto. A manutenção simples, o sistema de irrigação próprio e a estrutura autoportante foram as características que mais me chamaram a atenção na marca”, avalia Rossi, que conheceu a solução na última edição da Feicon – Salão Internacional da Construção Civil, realizado em março de 2012.

 

História GreenWall Ceramic

A presença de vegetação em paredes e muros verdes é um hábito que percorre a história do paisagismo ao longo do tempo, porém, nos últimos 10 anos há um interesse crescente pela implantação de jardins verticais, o que comprova que é possível integrar vegetação e design nos ambientes para proporcionar qualidade de vida, melhora do conforto térmico e beleza visual. “A ideia do uso de potes e vasos cerâmicos não é de hoje, povos antigos já utilizavam a cerâmica como principal material para cultivo e condicionamento de plantas e vegetação, até água era conservada em potes cerâmicos, daí vêm os famosos filtros e moringas ainda hoje utilizados” afirma Patricia Maia, diretora comercial da GreenWall Ceramic.

Principalmente nos grandes centros urbanos, apartamentos e escritórios estão sendo projetados em áreas cada vez menores, o que exige funcionalidade e praticidade nos espaços construídos. Nesse cenário o sistema GreenWall Ceramic garante a presença do verde nas edificações urbanas e torna-se uma das soluções mais adequadas em ambientes de diversos tamanhos e com amplas possibilidades de plantas arquitetônicas.
 

Casa Cor São Paulo 2012

Com ambientes inspirados no universo fashion, que homenageiam a modelo brasileira Gisele Bündchen, a Casa Cor São Paulo 2012 acontece de 29 de maio a 22 de julho, no Jockey Club de São Paulo. No evento, a mostra mais tradicional apresentará cerca de 90 espaços assinados por arquitetos, designers de interiores e paisagistas renomados. Em paralelo, ocorrem a Casa Hotel, com tendências de arquitetura e decoração no mercado hoteleiro e de turismo, e a Casa Talento, com exibição de tendências da moda em peças de design.

 

Serviço

26ª Casa Cor São Paulo – 29 de maio a 22 de julho de 2012, de terça a sábado, das 12h às 21h30, e domingos e feriados, das 12h às 20h. Entrada: R$ 39 (terça a sexta) e R$ 45 (domingo e feriado). Endereço: Jockey Club de São Paulo (Avenida Lineu de Paula Machado, 1.173 – Cidade Jardim – São Paulo – SP).

 

GreenWall Ceramic

Mais informações: www.greenwallceramic.com.br

Onde comprar: 0800.7726003 - vendas por telefone para qualquer cidade brasileira.

Curta o GreenWall Ceramic: www.facebook.com/GreenWallCeramic


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »