16/04/2020 às 14h13min - Atualizada em 16/04/2020 às 14h13min

Para ajudar restaurantes e bares na crise, empresa cria cardápio 100% gratuito de delivery pelo WhatsApp

Sistema digital pode ser utilizado em qualquer cidade do Brasil

Redação

Com o fechamento dos estabelecimentos em grande parte do País em decorrente da Quarentena para conter o avanço do Covid-19, proprietários de bares e restaurantes têm buscado alternativas para manter o mínimo das atividades e pagar as contas e funcionários. O serviço de delivery ganhou força neste novo cenário econômico, atraindo milhares de restaurantes que até então trabalhavam somente com atendimento físico.

A expansão desse serviço, porém, vem sendo um grande desafio, principalmente para os micro e pequenos negócios, sem estrutura, recursos financeiros e conhecimento tecnológico para montar a estrutura e chegar até o cliente.

Diante deste cenário, a empresa de tecnologia Swfast, especializada no mercado de Food Service, com bases nas cidades de Campinas e Ribeirão Preto, decidiu entrar em campo e ajudar empresários de bares e restaurantes a se estruturarem, criar cardápios online e efetuar vendas ao público final. O SwNOW é uma ferramenta de vendas 100% gratuita, em que o cliente monta seu cardápio online, divulga e recebe o pedido via WhatsApp.

 

Como funciona?

Para utilizar o aplicativo, o proprietário de bar ou restaurante precisa acessar o site da Swfast (www.swfast.com.br/swnow), realizar seu cadastro. Após liberado o serviço, ele mesmo monta seu cardápio digital, de forma personalizada, com sua cor, logomarca, endereço do estabelecimento, horário de funcionamento, e escolhendo como deseja fazer o atendimento: através de entrega ou retirada no local.

Após cadastro e ativação do cardápio, um link é gerado para que o empresário possa compartilhá-lo em sua rede de contatos e o pedido é feito diretamente WhatsApp.

Segundo Rafael Mendes, diretor comercial da Swfast, o aplicativo foi lançado recentemente como forma de ajudar donos de bares e restaurantes neste momento complicado, onde a única forma de atendimento permitida é o Delivery. “Em poucos dias, já tivemos a inscrição de mais de 1,7 mil negócios”, conta Mendes. “Nossa meta é que este serviço gratuito esteja sendo usado por sete mil estabelecimentos”, completa.

 

ABRASEL RMC
Para Renato Higa, vice-presidente da Associação Brasileira de bares e Restaurantes da Região Metropolitana de Campinas (Abrasel RMC), esta iniciativa tem ajudado o setor, especialmente os micro e pequenos comerciantes que não têm recursos financeiros neste momento para contar com serviços de grandes empresas de entregas. “Por ser uma ferramenta 100% gratuita, ajuda nas vendas e na própria rentabilidade do estabelecimento em um período de crise”, completa.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »