24/03/2020 às 10h19min - Atualizada em 24/03/2020 às 10h21min

Coronavírus: o que é, sintomas e prevenção do vírus

As formas de transmissão do COVID-19 ainda estão sendo investigadas a fim de se obter dados mais precisos acerca de seu potencial de contágio. Mas o fato que a disseminação de pessoa para pessoa está ocorrendo desde o final de 2019.

DINO
https://www.lauton.com.br/
Mulher com máscara para evitar a propagação do coronavírus

O mundo vive, atualmente, uma pandemia promovida pelo novo coronavírus. Em pouco tempo, a doença originada na China se espalhou por todo o mundo, causando grandes impactos na saúde, economia e cotidiano de bilhões de pessoas. Os números assustam: até o dia 20 de março de 2020, mais de 260 mil pessoas foram infectadas pelo coronavírus em todo o mundo, e mais de 11 mil pessoas morreram. O Brasil já ultrapassa 650 casos nessa mesma data, com 7 vítimas fatais.

Em tempos de crise, ter as informações certas é algo inestimável, seja para realizar a prevenção e cuidados necessários, seja para evitar a proliferação de fake news. Portanto, todas as informações contidas aqui foram obtidas de fontes oficiais do Ministério da Saúde e do Governo do Estado de São Paulo.

O QUE É CORONAVÍRUS?
Coronavírus, na verdade, é uma expressão com significado mais amplo, visto que representa toda uma família de vírus que causam infecções respiratórias. Já houveram outros coronavírus no passado. O vírus responsável pela nova pandemia mundial foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.

A doença provocada pelo novo coronavírus é oficialmente conhecida como COVID-19, sigla em inglês para "coronavirus disease 2019" (doença por coronavírus 2019, em português).

Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. O nome, no entanto, foi atribuído apenas em 1965, em decorrência do vírus parecer uma coroa quando visto microscopicamente.

COMO OCORRE A CONTAMINAÇÃO?
As formas de transmissão do COVID-19 ainda estão sendo investigadas a fim de se obter dados mais precisos acerca de seu potencial de contágio. Mas o fato é que a disseminação de pessoa para pessoa está ocorrendo desde o final de 2019.

Qualquer pessoa que tenha contato próximo - cerca de 1 metro - com alguém com sintomas respiratórios está em risco de ser exposta à infecção. A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como:

gotículas de saliva;
espirro;
tosse;
catarro;
contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão;
contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

SINTOMAS
Semelhante a um resfriado, os sintomas do coronavírus são principalmente respiratórios. Os sinais também podem ser parecidos com as de uma pneumonia, pois o vírus pode causar infecção do trato respiratório inferior.

Os principais sintomas conhecidos até o momento são:

Febre;
Tosse;
Dificuldade para respirar.

Assim que os primeiros sintomas surgirem, é fundamental procurar ajuda médica imediata para confirmar diagnóstico e iniciar o tratamento.

MEDIDAS DE PREVENÇÃO
O Ministério da Saúde orienta uma série de cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir coronavírus. Entre as medidas estão:

Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;
Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
Evitar contato próximo com pessoas doentes;
Ficar em casa quando estiver doente;
Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;
Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.

GRUPOS DE RISCO
Ainda que represente uma ameaça à toda população, o COVID-19 representa um risco maior para determinados grupos de pessoas:

Idosos
Diabéticos
Hipertensos
Quem tem insuficiência renal crônica
Quem tem doença respiratória crônica
Quem tem doença cardiovascular
Fumantes

MELHORANDO A IMUNIDADE
Não existem vacinas ou tratamentos específicos para tratar o coronavírus. No entanto, enquanto a ciência e a medicina se encontram em uma verdadeira corrida contra o tempo para desenvolver medicamentos contra o COVID-19, há formas de melhorar o sistema imunológico para combater os sintomas de diversas doenças.

Seja por meio de uma alimentação, seja por uma suplementação nutricional, alguns nutrientes são capazes de fortalecer as defesas internas. Entre esses alimentos e nutrientes estão a vitamina C e o extrato de própolis verde.

Vitamina C
Também chamada de ácido ascórbico, a vitamina C é fundamental para o bom funcionamento do corpo humano. Existem diversos alimentos ricos em vitamina C, sendo os principais a acerola, limão, laranja, goiaba, morango, caju, kiwi, abacaxi, manga, pimentão, brócolis, couve, tomate, repolho.

A vitamina C melhora o sistema imunológico por meio do aumento na produção de glóbulos brancos, células que têm a função de combater microorganismos estranhos ao corpo. Um estudo divulgado no Annals of Nutrition & Metabolism registrou esse incremento nas defesas do corpo, estabelecendo relação com a Vitamina C. Assim, a ingestão da vitamina é capaz de fortalecer o corpo, deixando-o menos suscetível a doenças.

Extrato de Própolis Verde
A própolis verde é uma resina produzida por abelhas. Ela se origina a partir de colméias próximas a uma planta chamada alecrim-do-campo (planta nativa da América do Sul), que dá a coloração esverdeada e as propriedades terapêuticas únicas dessa variação.

O extrato da própolis possui proteínas capazes de equilibrar e regular as defesas internas, além de trazer outros benefícios, como propriedades antibacterianas, anti-inflamatórias e antioxidantes.

É importante que a própolis ingerida seja de uma marca confiável e livre de cera (wax free), substância que pode ser tóxica ao organismo.

Serviço:
Vitamina C Lauton - Pote com 120 cápsulas de 500mg
Preço Sugerido: R$ 44,90
Extrato de Própolis Verde Lauton - Pote com 120 cápsulas de 200mg
Preço Sugerido: R$ 49,90
Onde encontrar: Nas melhores lojas físicas e online de suplementação e produtos naturais e no site oficial do fabricante (www.lauton.com.br www.lauton.com.br)

Sobre a Lauton Indústria de Suplementos Alimentares
A Lauton dispõe de uma ampla variedade de vitaminas, minerais e nutrientes necessários para complementar uma dieta equilibrada a hábitos de vida saudáveis.

Website:



Website: https://www.lauton.com.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »