18/02/2020 às 17h19min - Atualizada em 19/02/2020 às 00h33min

Comprar uma empresa é um bom negócio para quem quer empreender?

Comprar e vender empresas está cada dia mais simples. E isso oferece grandes oportunidades para os empreendedores.

DINO
https://meubiz.com.br/
Bom negócio

A compra e venda de empresas já acontece há muito tempo em todo o mundo. Empresas são adquiridas e vendidas com uma frequência cada vez mais significativa, sobretudo pela facilidade propiciada pelo desenvolvimento tecnológico. O uso da tecnologia para esse fim tem reduzido a burocracia e tornado as transações mais rápidas e mais baratas. Para empreender é imprescindível oferecer um produto ou serviço desejado, ou uma solução inovadora e, acima de tudo, lucrativa. Por isso, a compra de uma empresa com um modelo já estruturado pode eliminar uma etapa inicial, o processo de criação e desenvolvimento do negócio.

De acordo com Felippe Ferreira, fundador do Meubiz , algumas pessoas entendem que, se um empreendimento está sendo vendido, significa que ele está em crise, o que nem sempre é verdade. "A venda de um negócio pode acontecer pelos mais diversos motivos, dentre os quais: aposentadoria, herança, briga entre sócios e mudança de cidade". Com isso, alguns empresários sabem fazer disso uma oportunidade de negócio, comprando empresas por valores menores, reestruturando-as e vendendo-as novamente por valor mais expressivo.

Para fazer um bom negócio , através de uma transação segura é preciso estar atento ao cenário econômico, às condições do setor, às características da empresas e seu panorama operacional e financeiro. Alguns ignoram os fatores políticos e econômicos do país, mas esses são pontos que podem influenciar o desenvolvimento da empresa, transformando um bom negócio em algo frustrante para as partes envolvidas.

Outro aspecto importante a se assegurar é o conhecimento prévio e detalhado acerca do novo negócio. Entender o dinamismo da empresa, suas oscilações dentro do segmento no qual está inserido, suas características quantitativas e qualitativas é fundamental. Possíveis dívidas adquiridas pela empresa, se não analisadas com cautela, podem prejudicar o novo comprador, reduzindo seus investimentos para implementação de novas estratégias de gestão, gerando dúvidas e consequentemente, potencializando desacordos.

Ferreira afirma que o ponto comercial também agrega valor ao empreendimento. "Quando bem localizado, ele pode ser uma excelente alavanca de vendas". Apesar disso, boa localização nem sempre significa sucesso garantido e apostar em grandes centros comerciais nem sempre é a saída. É preciso analisar o setor e as características do negócio, com o objetivo de facilitar a entrada e saída de clientes.

Um dos maiores desafios do mercado de compra e venda de empresas é a determinação do preço. Por isso, é importante realizar uma avaliação ou, ao menos, uma pesquisa de mercado, comparando-se empresas com características semelhantes. Com o avanço da tecnologia, hoje é possível fazer isso pelo site do Meubiz , que contém informações de compra e venda de empresas e pontos comerciais, além de dicas valiosas para o fechamento de um bom negócio. Sua principal atuação é no cadastro de compradores e vendedores, visando facilitar o primeiro contato com negócios à venda. Seguir estes passos não garante um bom negócio , mas reduz o risco de aquisições mal sucedidas.



Website: https://meubiz.com.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »