14/02/2020 às 15h37min - Atualizada em 14/02/2020 às 15h52min

Bebeu no carnaval? Veja como suportar a ressaca

Chegou o carnaval, época de rever os amigos, curtir os bloquinhos de rua, os trios elétricos e ver as escolas de samba. Com toda essa festa alguns foliões exageram na ingestão de bebidas alcoólicas e no dia seguinte sentem mal-estar, a famosa ressaca. "As indisposições começam de 6 8 horas após o consumo excessivo de bebidas alcoólicas e os efeitos podem durar cerca de 24 horas. Isso acontece após um pico entre 0,11% e 0,12% de concentração de álcool no sangue", explica Diana Lara, neurocirurgiã da BP A Beneficência Portuguesa de São Paulo .
 
Segundo a especialista, os sintomas da ressaca variam de pessoa para pessoa: dependem de fatores genéticos, do quanto ela se alimentou e se hidratou. "O acúmulo de álcool no corpo interfere nos nossos hormônios e no sistema imunológico e essas alterações acabam contribuindo para a sensação de ressaca", afirma ela.
 
Bebeu demais? A especialista da BP dá dicas para você amenizar os efeitos da ressaca:
 
1 - Você realmente estará indisposto
 
Se você exagerou na bebida provavelmente sentirá indisposição. Existem vários sintomas e os mais comuns são náuseas, boca seca, tontura, desconforto gastrointestinal, cansaço, tremedeira, ausência de apetite, falta de concentração, sonolência e sudorese, além de dor de cabeça.
 
2 - No dia seguinte...
 
Ingerir bastante líquido e ter alimentação balanceada é o grande segredo para se livrar da ressaca. O principal método para se proteger desse mal-estar é a hidratação. Por isso, após abusar da bebida é fundamental tomar bastante água, repousar e tirar o dia para fazer refeições leves a base de saladas, frutas, legumes e sucos naturais.
 
3 - Antes de beber, coma algo
 
O ideal é nunca beber de estômago vazio e ingerir carboidratos e proteínas antes de consumir bebidas alcoólicas, pois a absorção do álcool fica mais lenta, minimizando os efeitos da ressaca.
 
4 - Remédios de farmácia contra ressaca
 
Medicamentos como antiácidos, analgésicos e antieméticos podem ajudar a amenizar os sintomas, porém não há evidência científica de nenhum tipo de medicamento que cure a ressaca. Não  como afirmar se esses remédios tomados antes da ingesta alcoólica de fato ajudam no alívio dos sintomas da ressaca.
 
Sobre a BP - A Beneficência Portuguesa de São Paulo
 
A Beneficência Portuguesa de São Paulo agora é BP, um polo de saúde moderno e atualizado que valoriza a vida de todos e de cada um. Composto por 4 hospitais com foco em alta complexidade e que atendem diferentes perfis de clientes e outros 3 serviços que contemplam medicina diagnóstica, atendimento ambulatorial e educação e pesquisa, a BP compreende mais de 220 mil m² construídos, 7.500 colaboradores e 4.500 médicos distribuídos em 8 edifícios e cerca de 50 clínicas nos bairros da Bela Vista, onde são concentrados os serviços privados, e da Penha, onde são oferecidos os serviços para clientes regulados pelo Sistema Único de Saúde (SUS).
 
O polo de saúde é composto pelo Hospital BP, referência em casos de alta complexidade, pronto-socorro geral e corpo clínico especializado para clientes de planos de saúde e particulares; pelo BP Mirante, hospital que oferece um corpo clínico renomado, pronto atendimento privativo, hotelaria personalizada e cuidado intimista para clientes particulares e de planos de saúde premium; pelo BP Essencial, hospital que tem foco na qualidade assistencial e oferece acomodações compartilhadas para clientes de planos de saúde básicos e particulares; pelo BP Hospital Filantrópico, que oferece cuidado humanizado e eficaz para clientes regulados pelo Sistema Único de Saúde (SUS); pela BP Medicina Diagnóstica, um completo e atualizado centro de diagnósticos e de terapias, que oferece exames laboratoriais, de imagem, métodos gráficos e de todas as outras especialidades diagnósticas; pelo BP Vital, um conjunto de iniciativas da BP com foco em promoção de saúde por meio do cuidado integral, num um olhar atento e acolhedor da instituição para fora dos seus muros, contribuindo para a melhoria das condições de saúde da população como um todo; e pela BP Educação e Pesquisa, tradicional formadora de profissionais de saúde que capacita profissionais por meio de cursos técnicos e de pós-graduação, residência médica, eventos científicos e é responsável por gerenciar mais de 100 estudos e pesquisas na área da saúde com o intuito de contribuir para a evolução da Medicina no País.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »