10/12/2019 às 17h51min - Atualizada em 11/12/2019 às 14h38min

Petrobras inicia produção de óleo e gás natural na Bacia de Santos

A Petrobras iniciou as atividades da P-68 e com isso aumentou a capacidade em até 150 mil barris de óleo por dia. É a quarta unidade da estatal a entrar em operação neste ano. A extração é no campo de Berbigão, localizado no pré-sal da Bacia de Santo. A plataforma também tem capacidade de produção de até 6 milhões de metros cúbicos diários de gás natural.

De acordo com a empresa, a P-68 vai contribuir para o crescimento da produção da Petrobras, principalmente em 2020, com a interligação de novos poços do campo de Berbigão e  do campo de Sururu. A previsão é de que ocorra interligação de dez poços produtores e sete poços injetores à P-68.

A Petrobras possui uma fatia de 42,5% na concessão que abriga os campos de Berbigão e Sururu, sendo o restante da Shell Brasil (25%), Total do Brasil (22,5%) e Petrogal Brasil (10%).

Como funciona o mercado de gás - o gás natural é extraído dos poços pela Petrobras e repassado à distribuidora de gás que comercializa ao público em geral, seja para uso comercial, industrial ou doméstico.

O gás natural é um composto de hidrocarbonetos leves (metano, etano, propano e butano e outros gases) oriundo da degradação de matéria orgânica. Considerado um combustível fóssil e não-renovável. É extraído em rochas porosas profundas, submetido a condições de temperatura e pressão específicas e pode ser encontrado junto ao petróleo, como em Santos.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »