24/10/2019 às 16h14min - Atualizada em 24/10/2019 às 16h14min

Como escolher o país certo para cursar o High School no exterior

Além das motivações acadêmicas, o clima, as diferenças culturais e as atividades extracurriculares devem ser considerados pelos alunos

Redação

Após decidir fazer o Ensino Médio fora do país, a questão mais importante é: “Para onde ir?”. A resposta deve levar em conta quais são os objetivos de cada estudante. Melhorar a fluência no inglês, ter uma vivência no exterior e cursar uma faculdade estrangeira são apenas algumas das motivações. Mas além dos propósitos acadêmicos, o clima, as diferenças culturais e as atividades extracurriculares são outros parâmetros a se considerar.

 

 

Um dos países mais populares entre os brasileiros é o Estados Unidos. Lá, os jovens que procuram por uma cidade cosmopolita, com uma vida cultural agitada, acabam optando por Nova York, onde fica uma das unidades da EF Academy. A escola conta com um extenso programa esportivo e também oferece a oportunidade de o aluno integrar clubes ligados a temas específicos, como teatro, ciências e tecnologia. Além disso, regularmente organiza excursões a museus, exposições e shows em Manhattan.

 

Em contraste, a sossegada cidade de Pasadena, no estado da Califórnia, é a escolha certa para os adolescentes que preferem um clima mais ameno, em média são 286 dias de sol por ano, e curtem um contato intenso com a natureza. A recém-inaugurada unidade da EF Academy na região possui muitas palmeiras e fica a menos de uma hora de distância de belas praias. O câmpus dispõe de laboratórios com equipamentos de última geração. Dentre as opções de atividades nos arredores estão surfe em Santa Monica, esqui em Big Bear, trekking no Runyon Canyon e visitas ao Vale do Silício.

 

Agora se o sotaque norte-americano não for um atrativo, também é possível fazer o High School na Inglaterra. Dados da Agência de Estatísticas do Ensino Superior do Reino Unido mostram que no ano letivo de 2017-2018, estudantes brasileiros estavam matriculados em 95 universidades espalhadas pelo território britânico. Em parceria com a prestigiada Universidade de Oxford, a unidade da EF Academy na cidade promove palestras com alunos de doutorado, criando interação além das tradicionais salas da aula. São mais de 30 clubes, 20 tipos de atividades culturais e nove modalidades esportivas para os colegiais se engajarem.

 

 

 

Outra opção é a unidade de Torbay, que fica no sudoeste do país, onde atividades como vela, caiaque e surfe se destacam, já que a escola fica próxima ao mar. O clima intimista e acolhedor é sem dúvida um diferencial para os que decidem estudar lá.

 

 

 

Mais informações podem ser obtidas em www.ef.com.br/academywww.facebook.com/EFacademy e www.instagram.com/efacademybrasil/.

 

 

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »