04/09/2019 às 13h18min - Atualizada em 05/09/2019 às 17h10min

Comitiva da Malásia visita o Brasil para conhecer pedágio automático em São Paulo

Um comitiva de representantes do governo e de empresas da Malásia esteve no Brasil para conhecer a experiência do pedágio automático, implantada com sucesso nas rodovias sob concessão do Estado de São Paulo. A visita foi realizada no dia 19 de agosto, na sede da Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp).

De acordo com a Agência, a comitiva malaia conheceu também o Centro de Controle de Informações (CCI) da Artesp, que recebe imagens e informações dos 8,4 mil quilômetros de rodovias estaduais concedidas. Criado em 2014, o CCI tem como objetivo fornecer informações atualizadas e em tempo real sobre as condições da malha concedida. O CCI é conectado a mais de 1.200 câmeras e trabalha 24h por dia, sete dias por semana.

O CCI também possui tecnologias que permitem o monitoramento de telefones de emergência, praças de pedágio, centrais meteorológicas, tempo de atendimento de socorro mecânico e ambulâncias, entre outros indicadores de serviços previstos nos contratos de concessão.

Pedágio automático  

Segundo o site Estradas, na explanação sobre o sistema de pedágio automático, os técnicos envolvidos no projeto abordaram temas como a tecnologia utilizada, a abertura do mercado, a quantidade de operadoras e planos atualmente autorizados, outras aplicações da tecnologia, a segurança do sistema e os benefícios aos usuários.

A Artesp afirma que a modernização do sistema de pagamento automático de pedágio é um exemplo do investimento em tecnologia. Atualmente, são cinco as operadoras de pedágio automático – Sem Parar, ConectCar, Move Mais, Veloe e Greenpass –, que oferecem mais de 20 planos entre pré-pagos e pós-pago. O sistema conta com mais de 4 milhões de dispositivos veiculares ativos e os pagamentos através das pistas de pedágio automático já representam 56,5% do total. Nos novos contratos de concessão (Entrevias e ViaPaulista), os usuários têm, ainda, desconto de 5% na tarifa quando utilizam o pagamento automático.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »