08/04/2019 às 18h14min - Atualizada em 09/04/2019 às 00h03min

Tecnoshow Comigo 2019 recebe soluções em soja e algodão

Feira de tecnologia rural do Centro-Oeste brasileiro acontece entre os das 8 e 12 de abril

DINO - http://www.agro.bayer.com.br
http://www.dino.com.br/releases/tecnoshow-comigo-2019-recebe-solucoes-em-soja-e-algodao-dino890202360131
Estande da Bayer na Tecnoshow Comigo 2019


O Brasil tem avançado na colheita da safra de soja 2018/2019. Segundo a consultoria Safras & Mercado, o país atingiu 83,1% da área estimada. Neste contexto, o estado de Goiás, um dos principais produtores da oleaginosa, destaca-se com 97% de sua área colhida.

Entre os dias 8 e 12 de abril, o estado recebe a Tecnoshow Comigo 2019, em Rio Verde. Durante esta semana, a Bayer apresentará seu portfólio integrado de sementes e biotecnologias, proteção de cultivos e tecnologias e serviços digitais.

SOJA

INTACTA RR2 PRO®

A tecnologia para soja INTACTA RR2 PRO® foi desenvolvida pela Bayer após 11 anos de estudos e pesquisas no Brasil e se consolidou por oferecer diversos benefícios ao agricultor, como alto potencial produtivo e proteção contra as principais lagartas que atacam a cultura da soja no País (lagarta da soja, lagarta falsa medideira, lagarta da maçã e broca de axilas), além de ser tolerante ao herbicida glifosato. 

Desde que foi lançada no país, na safra 2013/14, o número de produtores que aderiram à tecnologia saltou de 55 mil para mais de 170 mil no ciclo 2016/17. Atualmente, ela está disponível em mais de 250 variedades de soja, adaptadas às diferentes regiões do Brasil e oferecidas por diversas empresas.

Segundo o líder de Negócios de Soja da Bayer para o Brasil, Vinícius Faião, o crescimento da adoção da tecnologia reflete os benefícios que ela tem levado aos campos brasileiros. “A chegada da soja com tecnologia INTACTA RR2 PRO® foi um marco para o setor, principalmente quando pensamos em produtividade e proteção da lavoura. Mas, quando falamos em biotecnologia, não podemos esquecer da importância do uso de sementes certificadas, que garantem origem, genética apurada e oferecem mais segurança ao agricultor”, explica Faião.

MONSOY

Com mais de 20 anos de história, a marca de sementes de soja se tornou referência devido ao seu foco em inovação. Durante a feira, a Monsoy apresentará seu portfólio para a região.

A M5917 IPRO se destaca por sua precocidade e excelente arquitetura de plantas, além de sua estabilidade de produção. Trata-se de uma excelente opção para áreas irrigadas. Já a M6210 IPRO tem sua alta precocidade para o Cerrado, o que favorece o plantio de milho safrinha, além da excelente capacidade de engalhamento e sistema radicular agressivo.

A M6410 IPRO, variedade Monsoy mais plantada no Brasil, é outra ótima opção para o produtor que planta safrinha, principalmente em regiões de menores altitudes, devido à sua alta precocidade e potencial produtivo. Ela também tem alta estabilidade, excelente sanidade foliar e ampla adaptação geográfica.

A marca também levará a M7110 IPRO, que tem excelente arquitetura de plantas, ampla adaptação geográfica, resistência ao acamamento e apresenta excelente ciclo para safrinha de milho ou algodão. Esta é uma das variedades mais plantadas na região do Cerrado.

Pensando em atender às necessidades do agricultor que busca cultivares para manejar áreas de nematoides, a marca levará à feira a M7198 IPRO, que apresenta resistência a nematoides de cisto e galha, associada a um sistema radicular agressivo, elevado potencial produtivo e sanidade foliar.

Completando o portfólio, com foco em estabilidade e rusticidade e altos tetos produtivos, estão a M7739 IPRO e a M8372 IPRO, variedades com alta capacidade de engalhamento, associada à possibilidade de semeadura antecipada e excelente desenvolvimento radicular. Todas as variedades contêm a tecnologia INTACTA RR2 PRO®.

Para ajudar nos cuidados dos benefícios proporcionados por esta biotecnologia, os produtores encontrarão variedades específicas para o plantio de refúgio, importante técnica de Manejo Integrado de Pragas (MIP).

AGROESTE

No mercado há mais de 45 anos, a Agroeste está presente em todo o Brasil e se consolidou por oferecer um amplo portfólio de sementes de milho, soja e sorgo para os principais sistemas de produção do país. Durante a feira, os visitantes poderão conferir o portfólio da marca em um estande exclusivo.

Para os produtores que buscam precocidade na cultura, a AS 3730 IPRO é uma ótima opção, pois epossibilita o plantio antecipado e da safrinha de milho, sorgo e algodão. É uma variedade com ciclo precoce, amplitude de plantio e ampla adaptação geográfica. A AS 3680 IPRO é outra opção de cultivar de ciclo precoce, que pode ser utilizada por quem planta outras culturas, e destaca-se por seu alto potencial produtivo. A marca levará também a AS 3810 IPRO, variedade com excelente ciclo mais tardio, potencial produtivo e estabilidade.

Todas as variedades contêm a tecnologia INTACTA RR2 PRO®.

ALGODÃO

O produtor poderá conhecer também as tecnologias da Bayer para algodão. A Bollgard II RR Flex™ combina proteção contra as principais pragas-alvo da cultura (como curuquerê do algodoeiro - Alabama argilácea -, lagartas das maçãs Chloridea virescens - Helicoverpa zea e Helicoverpa armígera, entre outras) e tolerância ao herbicida glifosato, utilizado no controle de plantas daninhas na lavoura, o que permite a aplicação em pós-emergência da cultura, inclusive em estágio mais tardios de desenvolvimento da planta.

Já a tecnologia Roundup Ready Flex™, tolerante ao glifosato, além de possibilitar a aplicação do herbicida sobre a cultura do algodão em diferentes estágios de desenvolvimento das plantas, é recomendada para o plantio de áreas refúgio estruturado, prática estimulada pela Bayer para preservar os benefícios da tecnologia Bt.

Segundo o líder de Negócios em Algodão da Bayer no Brasil, Márcio Boralli, o algodão brasileiro vem ganhando qualidade a cada safra, e uma das premissas da Bayer é contribuir para que o cotonicultor melhore ainda mais seus resultados. Para isso, a empresa desenvolve tecnologias para o mercado, que contribuem com o desenvolvimento da cadeia de produção. “Nosso principal objetivo é entregar ao mercado variedades que atendam aos seguintes critérios: produtividade, qualidade, rendimento de fibra e resposta para doenças nas principais regiões do Brasil. Por isso, temos um criterioso processo de seleção e desenvolvimento de variedades, que vai desde a pré-seleção das melhores genéticas disponíveis no mercado até os testes em condições reais do agricultor”, explica Boralli.  



Website: http://www.agro.bayer.com.br
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »