07/02/2014 às 05h59min - Atualizada em 07/02/2014 às 05h59min

Exposição de Selos na Casa Lacerda abre Semana dos 120 anos do Cerco da Lapa

Mostra de selos está aberta à visitação pública até dia 28 de fevereiro

NCA Comunicação

Até 28 de fevereiro, a Casa Lacerda, administrada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional no Paraná - Iphan-PR, sedia a I Exposição Filatélica da Lapa - "Selos do Brasil e do Mundo", aberta na quarta-feira (5) como parte das comemorações aos 120 anos do Cerco da Lapa. São mais de 300 peças do acervo pessoal do lapeano André Luiz Ferreira dos Santos e da Sociedade Filatélica de Curitiba - Soficur. 

Quem visita a mostra percorre a história do Brasil e da Lapa, passando por motivos infantis, meio ambiente e animais até signos do zodíaco chinês e ocidental. Para a prefeita da Lapa, Leila Klenk, a exposição se caracteriza como "uma verdadeira viagem cultural". 

Entre os selos raros expostos na Casa Lacerda do acervo de Andre Luiz, que há um ano se dedica à filatelia, destacam-se os comemorativos ao 50º Centenário do Cerco da Lapa e aquele que faz uma homenagem ao General Carneiro. O presidente da Soficur, João Alberto Correia da Silva, trouxe para a exposição os selos referentes aos 200 anos da vinda da Família Real Portuguesa para o Brasil. 

O chefe de divisão de artes da Prefeitura da Lapa, João Andirá, disse que a exposição filatélica é muito significativa na programação da Semana dos 120 anos do Cerco da Lapa, por contar uma parte da história da cidade. Além disso mostra temas de diversos países como Japão, Coreia do Norte, Austrália e Argentina. Lembrou que dentre as peças expostas muitas são raras e de edições limitadas, como o selo comemorativo da Copa do Mundo de Futebol de 1950. 

Para o Iphan-PR sediar a I Exposição Filatélica da Lapa com selos do Brasil e do Mundo na Casa Lacerda é contar ao público um pouco da história da cidade, que foi palco de eventos importantes e que marcaram significativamente a trajetória dos lapeanos.

 

Sobre o IPHAN-PR - A Superintendência do Instituto do Patrimônio Histórico, Artístico  Nacional do Paraná - IPHAN surgiu a partir da evolução do Escritório Técnico do Paraná, criado em 1984 e subordinado até 1990 à 9ª Coordenação Regional de São Paulo. A sede da Superintendência está localizada em Curitiba, sendo um dos mais expressivos exemplares da arquitetura paranaense de madeira, característica da imigração europeia no estado. Realiza inventários, estudos e pesquisas na área de preservação do patrimônio cultural, obras de restauração e fiscalização de bens tombados e sítios arqueológicos, bem como atividades de Educação Patrimonial, promoção e difusão do patrimônio cultural em suas múltiplas vertentes. Atua em área multidisciplinar, mobilizando os campos de conhecimento da História, Arquitetura, Arte, Antropologia, Arqueologia e Educação. O IPHAN-PR fica na Rua José de Alencar, 1 808, no Bairro Juvevê - (41) 3264-7971http://iphanparana.wordpress.com/ - www.iphan.gov.br


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »