27/09/2018 às 19h15min - Atualizada em 28/09/2018 às 15h27min

Conheça a história do uso da aliança

A aliança tal qual conhecemos hoje tem séculos de história e já foi utilizada por diversos povos. De acordo com os historiadores, os primeiros a fazer uso do objeto como forma de simbolizar o amor foram os egípcios antigos. O acessório foi escolhido por ter um formato circular, cujo significado principal seria não ter fim. Logo, o amor deveria durar por toda eternidade.

Era uma promessa pública de que as pessoas envolvidas cumpririam com a sua palavra e respeitariam o amor ali formado. Apesar disso, inicialmente, a aliança foi adotada como forma de concretizar a compra de alguma mulher, que, a partir daquele momento, passaria a ser noiva. Os significados foram se alterando ao longo do tempo e o objeto foi se difundindo para outras regiões do mundo.

Como nem todos os aspectos dessa história estão comprovados, alguns historiadores afirmam que a tradição, na verdade, se iniciou com os orientais e indus e não com os egípcios, como costuma-se acreditar. O que se sabe, de fato, é que o acessório circular, utilizado de forma frequente pelos ocidentais, foi transmitido por meio do judaísmo e, posteriormente, com a disseminação do cristianismo.

Os gregos e romanos também fizeram uso da aliança. senadores e imperadores usavam anel de ouro, enquanto as pessoas comuns utilizavam o acessório em prata ou ferro. As alianças, na Grécia antiga, eram símbolo de fortuna e posses.

Os romanos, por sua vez, foram um dos responsáveis pela visão romantizada do anel. O hábito de colocar o anel no dedo anelar vem dessa época, porque acreditava-se que o quarto dedo da mão esquerda passava uma veia que estaria ligada com o coração.

Outros povos, como os polinésios, usam outros símbolos de união, como pulseiras e colares. No caso da aliança, além do acessório que simboliza o casamento, há outros tipos. A aliança de compromisso e de noivado é colocada também no dedo anelar. Mas, nesse caso, no quarto dedo da mão direita. Os anéis de ouro são mais usados para os noivos, enquanto as alianças de compromisso geralmente são mais customizadas e confeccionadas em prata ou ouro branco.

Por fim, outra tradição que tem ganhado corpo nos últimos anos são as alianças de amizade. Normalmente são trocadas por amigas, como forma de simbolizar a amizade que existe entre elas. A inscrição não inclui o nome de uma pessoa e sim de frases como “amigas para sempre”. Não há regras quanto a confecção, mas o comum é serem prateadas.

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »