24/06/2024 às 16h18min - Atualizada em 24/06/2024 às 20h00min

epharma investirá 40% a mais em tecnologia para aumentar o acesso à saúde em 2024

Meta para este ano é alcançar R$2,4 bilhões de economia gerada na compra de medicamentos;

ASSESSORIA DE IMPRENSA
Banco de imagens

São Paulo, junho de 2024 – A epharma, pioneira no segmento de benefícios em medicamentos no Brasil, anuncia plano para 2024 que vai colocar a tecnologia no centro da transformação do setor de saúde. Com o compromisso de ampliar o acesso ao tratamento medicamentoso subsidiado para milhões de brasileiros, a empresa visa aumentar a qualidade e a longevidade de vida da base de clientes, que fechou o ano acima de 33 milhões de vidas cobertas. 

A inovação aplicada no desenvolvimento de produtos tem contribuído para ampliar o acesso à saúde e a reduzir custos com tratamentos medicamentosos. Em 2023, a epharma apresentou uma evolução de 31%, com R$ 7,7 bilhões de transações em sua rede credenciada, que representou 4% do market share do varejo farmacêutico brasileiro. No mesmo ano, a companhia registrou a marca de R$ 2 bilhões de economia gerada na compra de medicamentos. Para este ano, a meta é alcançar R$ 2,4 bilhões. 

Sob a liderança de Eduardo Mangione, CEO da epharma há mais de três anos, a empresa se prepara para embarcar em uma nova era de inovação. "Como pioneiros em tech for health, estamos prontos para liderar o movimento que transformará a saúde de milhões de pessoas", afirma Mangione. Com a visão de expandir o acesso subsidiado para mais 10 milhões de pessoas até 2030, a epharma planeja o maior investimento em tecnologia de sua história, visando acelerar sua transformação digital e integrar ainda mais negócios, parceiros e o varejo farmacêutico em um ecossistema de saúde coeso, seguro e conectado. 

A empresa anuncia um aumento de 40% nos investimentos em tecnologia em relação a 2023, com foco em novos sistemas que compõem uma plataforma robusta para transformar o mercado de planos de benefícios em medicamentos. Além disso, a epharma está desenvolvendo um produto inédito que permitirá aos usuários pagar menos pelo tratamento, graças a parcerias estratégicas com a indústria farmacêutica e benefícios subsidiados pelas empresas.  

A inovação também se estende à experiência do cliente, com o lançamento de um novo produto que facilita a jornada de compra, e o desenvolvimento de uma ferramenta de regulação baseada em inteligência artificial para análise automática de receitas médicas. Além disso, um clube de recompensas com uma carteira digital promete engajar os usuários em um ecossistema ampliado de saúde e qualidade de vida. 

Com uma reestruturação organizacional que celebra 25 anos de história, a epharma promove Wilson de Oliveira Júnior e Marcos Inocencio a vice-presidentes de Business e Corporate Development, respectivamente, e avança com mudanças significativas em sua infraestrutura tecnológica, sob a liderança do CTO Roberto Arruda de Albuquerque, com investimentos recordes em pessoas e arquitetura como principal estratégia para escalar novos patamares de eficiência.   

Plano estratégico também inclui agenda ESG 

Para promover saúde é importante considerar o meio ambiente para que as ações de sustentabilidade ajudem a viabilizar uma abordagem de Saúde Única (One Health), fundamental para superar os desafios do setor.  

A epharma criou, portanto, uma área de ESG para ampliar as práticas de negócios sustentáveis e responsáveis, assumindo o compromisso de ser Net Zero, de ter 35% de diversidade e inclusão entre os colaboradores e garantir 50% de descarte inteligente de medicamentos autorizado, impactando água e solo até 2025.  

O uso da tecnologia tem contribuído para a agenda ESG por reduzir o impacto ambiental, promover a inclusão e a diversidade, e fortalecer a governança corporativa. Entre as ações já implementadas estão: automatização dos processos, com otimização do uso de recursos e implantação de tecnologias mais eficientes; programa Manas in Tech, de formação em tecnologia para mulheres cis e trans a partir de 15 anos de idade e com renda igual ou inferior a dois salários mínimos; fortalecimento da governança corporativa, garantindo transparência, ética e accountability; programa de descarte consciente de medicamentos; projetos de geração de energia renovável, plantio de árvores e reflorestamento na Amazônia; programa epharmaGreen, que visa à compensação de carbono dos clientes beneficiários; entre outros.  

"A nossa jornada em 2024 é marcada por oportunidades, demonstrando nosso compromisso com a inovação e sustentabilidade", conclui Mangione.  
 

Sobre a epharma   

A epharma é uma das principais plataformas de gestão de benefícios de saúde do país. A empresa, fundada há 24 anos, atua como um elo, unindo os ecossistemas de tecnologia e saúde, e criando conexões inteligentes entre os principais atores da saúde: indústrias farmacêuticas, gestores de RH, farmácias e drogarias, operadoras de saúde, corretoras, healthtechs e empresas privadas de diversos segmentos. Pioneira ao lançar o Plano de Benefícios de Medicamentos (PBM) no Brasil em 1999, conta com mais de 40 mil farmácias e 2 mil clínicas e laboratórios de diagnóstico credenciados em mais de 3 mil munícipios pelo país, beneficiando mais de 33 milhões de pessoas e gerando economia de acima de R$ 2 bilhões em 2023. A empresa recebeu os selos Great Place do Work (GPTW), GPTW Mulher e recertificação ISO4001 e tem uma agenda transparente dos pilares ESG onde a meta é redefinir o significado de sucesso, oxigenando conexões para um mundo melhor. 

Informações para a imprensa | Máquina
Maria Eduarda  – [email protected] (11) 97483-5117    
Tiago Varella – [email protected] (11) 98602-0004  
 


Notícia distribuída pela saladanoticia.com.br. A Plataforma e Veículo não são responsáveis pelo conteúdo publicado, estes são assumidos pelo Autor(a):
Gabriela Ramos Elias de Faria
[email protected]


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp