19/06/2024 às 10h07min - Atualizada em 19/06/2024 às 22h06min

É possível reatar um casamento? Espiritualista orienta!

reatar um casamento

TV PE
Imagem divulgação
O casamento é uma das fases mais importantes na vida de um casal. Ele representa a união de duas pessoas que se amam e se comprometem a compartilhar suas vidas, seus sonhos e seus desafios. No entanto, nem sempre o casamento é um mar de rosas. Muitas vezes, os casais enfrentam crises, conflitos, desgastes e até mesmo traições, que podem abalar a confiança, o respeito e o amor entre eles.

Nesses momentos, muitos se perguntam: é possível reatar um casamento? Existe uma forma de recuperar a harmonia, a paixão e a felicidade conjugal?
Para responder a essas e outras questões, conversamos com o Espiritualista Maicon Paiva, que tem mais de 20 anos de experiência em ajudar pessoas com seus problemas amorosos e que é fundador do Espaço Recomeçar, uma Casa de Apoio Espiritual que oferece diversos serviços, como Consulta Espiritual e Trabalhos como a Amarração Amorosa, a União Amorosa, entre outros.

Segundo ele, é possível sim reatar um casamento, desde que haja vontade, disposição e fé de ambas as partes. Ele também nos deu algumas orientações práticas e espirituais para quem deseja salvar seu relacionamento. Confira!

É normal discutir toda semana?

As discussões fazem parte de qualquer relacionamento, pois são uma forma de expressar opiniões, sentimentos e insatisfações. No entanto, quando elas se tornam frequentes, intensas e desrespeitosas, podem indicar que há algo errado no casamento.

“Discutir toda semana não é normal, nem saudável. Isso mostra que o casal está em desacordo. É preciso identificar as causas dessas brigas e buscar soluções, antes que elas se transformem em algo mais grave, como agressões, separações ou infidelidades”, alerta Maicon.

O Espiritualista recomenda que os casais evitem as discussões desnecessárias, que só servem para aumentar o estresse, a raiva e o rancor. Ele sugere que os casais pratiquem a comunicação assertiva, que é aquela que busca expressar o que se pensa e se sente de forma clara, honesta, respeitosa e empática.
“A comunicação assertiva é essencial para manter um bom diálogo entre o casal. Ela ajuda a evitar mal-entendidos, ofensas, mágoas e ressentimentos”, explica Maicon.

O que fazer depois de uma discussão com o marido?

Depois de uma discussão com o marido, muitas mulheres ficam magoadas, tristes, irritadas ou decepcionadas. Algumas se fecham, outras se vingam, outras se afastam. No entanto, nenhuma dessas atitudes é benéfica para o casamento, de acordo com o Espiritualista.

O que se deve fazer, segundo Maicon, é buscar a reconciliação. “A reconciliação é o ato de restabelecer a paz, a harmonia e o amor entre o casal. Ela envolve o reconhecimento dos erros, o pedido de desculpas, o perdão, o carinho e o compromisso de não repetir as falhas. A reconciliação é uma forma de demonstrar que o casal se ama, se respeita e se valoriza, apesar das diferenças e dos conflitos”, afirma Maicon.

O Espiritualista aconselha que as mulheres tomem a iniciativa de procurar seus maridos após uma briga, sem orgulho, sem medo e sem culpa. Ele diz que elas devem ser sinceras, humildes e gentis, e que devem expressar seus sentimentos, suas necessidades e suas expectativas.

“A reconciliação é uma oportunidade de crescimento, de aprendizado e de renovação para o casal. Ela pode transformar uma crise em uma união”, declara Maicon.

O que mais destrói o casamento?

Existem muitos fatores que podem destruir um casamento, como a falta de comunicação, de confiança, de respeito e de admiração. No entanto, para Maicon, o que mais destrói o casamento é a falta de amor.

“O amor é o sentimento que une, que sustenta, que protege, que ilumina e que motiva o casal. Sem amor, não há casamento. Sem amor, não há felicidade. Sem amor, não há sentido. O amor é a essência, a base, a razão de ser do casamento”, enfatiza Maicon.
 

Notícia distribuída pela saladanoticia.com.br. A Plataforma e Veículo não são responsáveis pelo conteúdo publicado, estes são assumidos pelo Autor(a):
Claudio gomes da silva leite
[email protected]


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp