02/02/2018 às 09h47min - Atualizada em 03/02/2018 às 23h28min

Escolha os alimentos mais adequados para a lancheira escolar

A definição de quais alimentos colocar na lancheira de seu filho é uma tarefa árdua. Além da correria do dia a dia, a falta de criatividade também é um fator que atrapalha o processo. Para ajudar nesta missão, a nutricionista do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, Patrícia Citelli Berger, dá dicas valiosas.
 
Mesmo quando a criança apresenta algum tipo de restrição alimentar, a especialista enfatiza a importância de priorizar o equilíbrio desta refeição. Confira ideias de diferentes cardápios:
 
  • Lancheira saudável para crianças sem nenhuma restrição
O equilíbrio é a base para compor o lanche com diferentes fontes nutricionais. Como opções de proteína, destacam-se o leite ou iogurte, queijo branco, ricota temperada, requeijão light e queijo cottage, que devem estar acondicionados em recipientes térmicos. Carboidratos também não podem ficar de fora, como pães integrais ou multigrãos, bolachas simples, biscoito de polvilho, bolos caseiros simples, tapioca e pão de queijo. Para finalizar, fibras, vitaminas e minerais são encontradas em frutas frescas e sucos industrializados que sejam do tipo integral e não néctar. Podem ser usadas também frutas desidratadas ou frutas secas, como nozes e castanhas.
 
  • Lancheira para crianças com intolerância à lactose
As fontes de proteínas são as mesmas de uma lancheira sem restrição, porém, devem ser isentas de lactose. Por conta desta necessidade, é importante observar com atenção a composição dos ingredientes nos rótulos de pães, bolachas, biscoitos de polvilho, pois há diferença entre os fabricantes. Já quanto às frutas, não existe nenhuma limitação.
 
  • Lancheira para crianças celíacas
Esta lancheira deve ser isenta de alimentos que contenham trigo, aveia, cevada, centeio e malte. Sendo assim, pães, bolos e biscoitos, por exemplo, devem ser à base de farinha ou fécula de arroz, batata, milho ou mandioca. As fontes de proteínas, frutas e sucos não diferem dos outros cardápios.
 
  • Lancheira para crianças diabéticas
Pais devem ter atenção não só ao padrão qualitativo de nutrientes mas principalmente à quantidade dos alimentos. Além disso, crianças que sofrem de diabetes não podem comer alimentos que contenham açúcar ou sacarose, rapadura, açúcar mascavo e açúcar demerara, nem mel e melado. É importante priorizar produtos integrais e estimular o consumo das cascas e bagaços das frutas.
 
  • Lancheira para crianças em processo de perda de peso
Todos os grupos alimentares precisam estar no lanche, porém, é fundamental adequar as porções alimentares de forma individualizada. É preciso ainda compreender o motivo da perda de peso para desenvolver uma dieta adequada.
 
COMPLEXO HOSPITALAR EDMUNDO VASCONCELOS
 
Localizado ao lado do Parque do Ibirapuera, em São Paulo, o Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos atua em mais de 50 especialidades e conta com cerca de 1.000 médicos. Realiza aproximadamente 12 mil procedimentos cirúrgicos, 13 mil internações, 230 mil consultas ambulatoriais, 145 mil atendimentos de Pronto-Socorro e 1,45 milhão de exames por ano. Dentre os selos e certificações obtidos pela instituição, destaca-se a Acreditação Hospitalar Nível 3 - Excelência em Gestão, concedida pela Organização Nacional de Acreditação (ONA) e o primeiro lugar no Prêmio Melhores Empresas para Trabalhar Saúde - Hospitais, conquistado em 2017.
 
Rua Borges Lagoa, 1.450 - Vila Clementino, Zona Sul de São Paulo. 
Tel. (11) 5080-4000
Site: www.hpev.com.br
Facebook: www.facebook.com/ComplexoHospitalarEV
Twitter: www.twitter.com/Hospital_EV
YouTube: www.youtube.com/user/HospitalEV
________________________________ 
Informações para a imprensa:
TREE COMUNICAÇÃO
(11) 3093-3604 / 3093-3636
Isabel Lopes – isabel.lopes@tree.inf.br
Rhayssa Nascimento – rhayssa.nascimento@tree.inf.br
 
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »